• Home
  • Linda cachorra peludinha precisa de resgate urgente na Zona Leste de São Paulo

Linda cachorra peludinha precisa de resgate urgente na Zona Leste de São Paulo

21 comments

Maria de Lourdes Seno
lourdes.seno@hotmail.com
Fotos: Divulgação

Uma cachorrinha peludinha, porte pequeno foi abandonada no clube aqui do bairro do Burgo Paulista, Zona Leste de São Paulo. Ela fica o tempo todo no canto do muro ou embaixo de um caminhão que está estacionado lá. Precisa ser resgatada urgente, esse lugar é perigoso, entra todo tipo de gente e alguém pode pegá-la. Ela é pequena, pesa uns 4kg, dócil e parece que gosta de criança, pois quando eu estava lá, ela ouvi crianças e foi correndo, tenho medo que ela saia pra rua atrás das crianças e fica perdida.

Infelizmente eu não posso colocar mais animais dentro de casa, além de estar com muitos resgatados, tive um surto de cinomose dois meses atrás e não posso colocar mais animais sem saber se está vacinado, não posso colocá-la em risco de doença. Por favor, quem poderia resgatá-la? Pode me ligar para combinarmos.

Contato: Lourdes Seno – Tel.: 11- 2042-5453

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. essa coisinha muito fofa , ja foi resgatada , já tem gente até brigando pra adota-la , acredito que vai sobrar amor pra esse anjinho.

  2. Já foi resgatada por uma protetora e será preparada para adoção, já está em segurança e feliz, aparentemente está saudável, come muito bem e brinca bastante é dócil e adora criança, acredito que ela tinha uma família com criança!

    1. Estamos tentando, retirar essa BBzinha do ABRIGO da D. Ana Marta, ela não tá na rua… o ABRIGO se recusa a entrega essa BBzinha… entre na página d Claudia Benko, Mena Medeiros, Raquel Hangel, Marcia Maria Menezes Ferreira no Facebook

  3. Cara, Sra. Lourdes Seno
    Muitas entidades de proteção animal e muitos protetores de animais não estão realmente entendendo qual seu objetivo com isso. Pode a senhora imaginar que a essas alturas o Brasil todo já não esteja sabendo a história dessa cadelinha? Felizmente, através do Facebook, todos os verdadeiros protetores de animais e entidades se comunicam, caso a senhora não saiba, e todos, no país todo já estão cientes que já existem adotantes para essa cadelinha, que inclusive uma grande ativista pelos animais, a Sra. Claudia Benko está insistentemente tentando adotar essa cachorrinha e está sendo negada a adoção para mantê-la num abrigo, certamente por interesses financeiros. É preciso lisura nesse caso. Protetores do Brasil inteiro estão com suas atenções a esse caso. É hora de acabar com a palhaçada e entregar para quem se dispõe a adotar, ou a senhora prefere colocar todo o seu “trabalho” a perder?

  4. Pelo discutido no Facebook, a protetora Lourdes Seno entregou-a num abrigo, apesar dos varios adotantes interessados. Estou desde ontem observando os comentarios e ainda nao conseguimos descobrir o paradeiro da fofa.

  5. Ela esta no abrigo da Ana Marta que se recusa a dar uma vida nova a cachorrinha e não abre as portas do abrigo para ninguem e se diz A MEGA PROTETORA , agora aonde está a proteção animal dela , que se recusa a entregar uma cachorrinha de rua para uma nova família e o pior ,ela se diz proprietária dela para que não precise dar satisfação dela , com certeza encontraram madrinhas , por isso não a entregam , isso é bom para que as pessoas pensem em quem ajudar : Lourdes Seno e Ana Marta , não ajudem , pois tem esses tipos de atitudes, não merece ajuda

  6. O sensacionalismo criado em torno de uma cadelinha – para quem ainda não entendeu – deve-se ao fato dela ser simplesmente muito bonita e por capricho de um grupinho de protetores que se acham no direito de interferir na vida pessoal de uma protetora. Ela foi resgatada por mim e está sob minha responsabilidade, como outros bichinhos que tenho e será encaminhada para adoção, no momento adequado. Se querem chamar minha casa de abrigo, fiquem a vontade, afinal abrigo bichinhos. Porém, vale lembrar que é uma propriiedade particular, não sou obrigada a abrir as portas da minha casa a quem não tenho nenhum vínculo. Se eu for na casa de uma pessoa e forçar minha entrada, do ponto de vista legal, trata-se de invasão de domicílio. Não há por que se cobrar ainda providências da Lourdes. Ela divulgou um pedido de ajuda para um bichinho, eu fui e resgatei, este é o resumo do caso. Não preciso,naõ aceito e não quero a interferência deste grupinho com a adoção dela e nenhum dos meus bichos. Eu já tenho adotante para ela. Dentro da minha casa, quem define as decisões sou eu. Devo satisfação e consideração sim àquelas pessoas que apoiam meu trabalho na proteção animal, que me conhecem a anos. E eles tenham certeza que não se importam se o animal é básico ou bonito, Se ela fosse uma pretinha básica, ninguém teria nem se interessado no caso dela. Vou ficar esperando e acompanhando a grande ativista Claudia Benko cumprir o que prometeu: fornecer ração para a Lourdes alimentar os animais que ela ajuda na favela. Como escreveu a Claudia Benko em seu FB, assim a Lourdes não precisará mais sair pedindo resto de comida nos restaurantes da região para alimentar a turma da favela. Vamos ver se ela tem palavra mesmo.

  7. O sensacionalismo criado em torno de uma cadelinha – para quem ainda não entendeu – deve-se ao fato dela ser simplesmente muito bonita e por capricho de um grupinho de protetores que se acham no direito de interferir na vida pessoal de uma protetora. Ela foi resgatada por mim e está sob minha responsabilidade, como outros bichinhos que tenho. Se querem chamar minha casa de abrigo, fiquem a vontade, afinal abrigo bichinhos. Porém, vale lembrar que é uma propriedade particular, não sou obrigada a abrir as portas da minha casa a quem não tenho nenhum vínculo. Se eu for na casa de uma pessoa e forçar minha entrada, do ponto de vista legal, trata-se de invasão de domicílio. Não há por que se cobrar ainda providências da Lourdes. Ela divulgou um pedido de ajuda para um bichinho, eu fui e resgatei, este é o resumo do caso. Não preciso,naõ aceito e não quero a interferência deste grupinho com a adoção dela e nenhum dos meus bichos. Eu já tenho adotante para ela. Dentro da minha casa, quem define as decisões sou eu. Devo satisfação e consideração sim àquelas pessoas que apoiam meu trabalho na proteção animal, que me conhecem a anos. E eles tenham certeza que não se importam se o animal é básico ou bonito, Se ela fosse uma pretinha básica, ninguém teria nem se interessado no caso dela. Vou ficar esperando e acompanhando a grande ativista Claudia Benko cumprir o que prometeu: fornecer ração para a Lourdes alimentar os animais que ela ajuda na favela. Como escreveu a Claudia Benko em seu FB, assim a Lourdes não precisará mais sair pedindo resto de comida nos restaurantes da região para alimentar a turma da favela. Vamos ver se ela tem palavra mesmo.

    1. Depois de todas nós Simpatizantes, Protetores, Ativistas, Protetores ATIVISTAS… e afins, vivenciar-mos essa História da BBZINHA, por mais de 72 horas, fato esse ABSUDO… vem a D, Ana Marta responder na ANDA, se colocando de VÍTIMA da situação e tentando com o seu discurso prolixo e redundante, induzir em erro, as pessoas q desconhecem os fatos. Ainda no seu discurso evasivo, cobra da Protetora e Ativista Claudia Benko, título que lhe faz jus, ração para alimentar os bichunhos que a Sr. Lourdes Seno coleciona em condiçoes precárias, uma vez que os alimenta com resto de comida dos restaurantes locais. Mais uma vez, registro aqui minha INDIGNAÇÃO, com a inversão de valores dessas Senhoras DITADORAS de regras, para não falar outra coisa. A conclusão q eu chego disso tudo: Q essa linda BBezinha não existe… isso tudo é fruto da minha imaginação ou um sonho, talvez, e de todos vcs… fica a Dúvida e fica a Dica, será que ela existe mesmo?????????????????????????????

  8. Não entreguei a cachorrinha para OS ADOTANTES, porque aprendi com a proteção animal que não devemos doar animais sem CASTRAR, pedi para um PROTETOR resgatá-la, pois sei que faria tudo direitinho, vacinando-a, castrando-a e doando-a com TERMOS DE RESPONSABILIDADE, e a única protetora “que conheço” e me ligou nesse caso, foi a Ana Marta!!!! O telefone tocou o dia todo por ADOTANTES pedindo a cachorra dizendo: DÁ ELA PRA MIM, ELA É LINDA, ME APAIXONEI POR ELA, EU PROMETO QUE VOU CUIDAR MUITO BEM DELA, LEVAR NO MEU VET. PARTICULAR…. só que eu não conhecia nenhuma dessas pessoas, o que vcs fariam no meu lugar???? Ninguém mais se identificou pra mim como PROTETOR!!! A Ana Marta eu já conheço o trabalho dela, pois a anos ela resgata animais aqui das favelas da zona leste, que peço resgate, já resgatou ninhada de filhotinhos pretinhos com sarna, animais doentes e atropelados e a 2 meses atrás ela resgatou uma poodlezinha e uma vira-la que estavam na favela em perdição de miséria, doentes, magras e rabugentas! Agora eu pergunto: porque só essa cachorrinha ela não poderia pegar e fazer o mesmo trabalho que faz com os outros??? Porque ninguém brigou pelos outros e a deixou levá-los??????????? Será que é porque ela é BONITINHAAAAA?????
    Peço a essas pessoas que não conheço, antes de falar qualquer coisa, ter certeza do que estão falando e as outras pessoas que tem problemas com a Ana Marta tentar resolvê-los sem usar um animalzinho inocente para despertar a atenção de pessoas boas que amam os animais a se envolverem nessa palhaçada!!!!!!!!!!!!! Ah!!! Dona Claudia Benko, estou aguardando a ração prometida, já que disseram que os meus resgatados comem lavagem!!!!

    1. Sra. Lourdes, o que não ficou claro ainda é porque essa cadela foi enviada para um abrigo, que agora a Sra. Ana diz ser uma residência e não um abrigo, se ela já tinha adotantes? É somente esse o principal foco da questão. Não vejo motivos para desvirtuar o caso citando a beleza da cadela, que convenhamos não é tanta assim, pois se a senhora e a Sra. Ana já trabalham com proteção animal a tempos, já devem ter se deparado com vários casos de cães e gatos de raça para adoção, onde aí sim, existe mesmo uma “comoção nacional” como eu costumo dizer, pois todos têm pena de cães de raça e poucos se preocupam com os SRD. Portanto essa cadelinha, nem ao menos de raça definida é, o que não justifica dizer que todos estão fazendo esse tumulto pela beleza dela. O que até mesmo nós aqui no RS queremos entender são os motivos que o animal foi encaminhado para um abrigo, lar temporário, como queira chamar, se já tinham adotantes querendo dar-lhe uma vida melhor que num abrigo, ou casa de passagem, ou lar temporário, como queiram. Todos nós que trabalhamos com defesa animal, sabemos que um lar é sempre melhor que um abrigo. Sendo o motivo a castração como a senhora alega, se existe um Termo de Adoção, pode ser colocado no termo a castração, inclusive determinando a data da cirurgia, onde o adotante assinando concorda com o tempo e com a cirurgia, e sendo assim, inviabiliza a argumentação que o animal não foi doado por não estar castrado. Cremos que da forma que o caso está chegando a nós, que está havendo na real uma “queda de braço” entre protetores, parece mais um conflito de vaidades do que o interesse principal que é o bem estar animal. Se as senhoras tem tantos animais para dar atenção e cuidar, também não entendemos o motivo do apego a somente esse em questão. O que ela tem de tão especial para chegar ao ponto de gerar todo esse tumulto? Está parecendo para quem assiste de fora que manter essa cadelinha com a Sra, Ana tem outros interesses, como os de arrecadar fundos para manter o trabalho dela, mas não é dessa forma que atingirão esse objetivo, dessa forma somente estão enterrando esse trabalho das senhoras que deve ter seus valores.

  9. Muito estranho essa história: 1º essa postagem aparece DEPOIS que a cachorrinha JÁ havia sido resgatada, podem ver os horários da postagem, dia 25/03 19:00, sendo que a cachorra em questão foi resgatada pela Ana Marta no dia 25 de MANHÃ… 2º Se a Lourdes Seno, que usa da alcunha de “protetora” não sabe doar um animal com termo de posse responsável, fazendo o acompanhamento de praxe para ver se o adotante faria conforme estivesse incluso no termo de adoção, como é que ela se diz protetora??? A maioria dos adotantes é sempre desconhecida, são pessoas que aparecem porque viram a propaganda em algum lugar, oras, como uma “protetora experiente” diz que não sabe ‘em quem confiar’? 3º Se a cachorrinha tinha adotante, porque enviá-la pra um abrigo lotado, vejam o último post da Ana Marta, ela diz claramente que está em situação limite, podem procurar por Ana Marta aqui na ANDA que verão que sua última postagem se refere à falta de condições financeiras para manter seu abrigo.
    Caso muito estranho esse, merece ser averiguado com minúcias pelas partes envolvidas. Como uma protetora diz não saber em quem confiar? Então, ela nunca vai doar nenhum cão? Sim, porque para esse motivo, existe o termo de adoção responsável, que obriga o adotante a seguir com tudo que o protetor pede, caso contrário, o protetor pode pegar o animal de volta, estranho isso por parte de protetor, não entendi essa história.

  10. Gente eu conheço a Lourdes Seno a mais de 5 anos e tudo que estão dizendo a respeito dela é um absurdo.
    Ela faz um trabalho serio alimenta varios caes na rua, recolhe animais em estado lastimavel sem ajuda de ninguem e sabe pq ela está com acasa cheia de caes?
    Tem pessoas que ligam para ela prometendo ajudar o animal se ela recolher. Ela pensando no bem estar do animal recolhe u ajuda simplesmente some. Vcs acham isso certo?
    Eu já fui varias vezes na casa da Lourdes os peludos são super bem tratados, gordinhos, castrados e vacinados, a casa é limpa
    não sei pq tanta confusão. Ele fez o pedido de resgate atraves do e-mail como sempre fez para outros peludos e nada disso aconteceu
    Essa confusão toda é só pq é uma cachorrinha peluda de porte pequeno, fofa e lindissima se fosse um vira lata sarnento garanto que nada disto estava acontecendo. essa cachorrinha estava lá abandonada junto com outros peludos a uma semana. a Lourdes fez o e-mail para que um protetor fosse resgatar, pois sabemos que protetores tem como obrigação doar somente animais vacinados e castrados
    A Ana Marta já recolheu varios caes da favela São Carlos, do terminal de onibus A.E. Carvalho todos em estado lastimavel: com sarna, bicheira, magerrimos, doentes. . Cuidou muito bem deles, vacinou, castrou e colocou para adoção eu mesma vi as fotos do antes e do depois deste caes no seu blog.
    Eu adotei uma cachorrinha com a Sra. Lourdes Seno, ela me entregou castrada e vacinada. A cachorrinha estava abandonada na rua em estado deplorável, agora ela é a coisa mais fofa, graças a dona Lourdes esse anjinho foi salvo. Tenho fotos dela no meu album do face ela se chama Pititica

  11. A ANDA solicita que as discussões sobre este caso sejam feitas por email. Vamos manter este espaço para comentários que ajudem os animais. Agradeço a compreensão.

  12. Jamais doe um animal pra qualquer pessoa, pois é o mesmo que tirar ele de um sofrimento e colocar em outro talvez ainda pior. Tem gente que diz: é muito lindo, eu quero pr mim! So que na hora do vamos ver a coisa é bem outra, pois animalzinho não é brinquedinho… ele precisa não so de uma cosquinha, um carinho de vez em quando, mas sim, o que ele precisa é de amor, atenção, companhia, e cuidados, isso é todos os dias enquanto ele viver. E nem todos são capazes pra isso, logo enjoam do bichinho e começam a chutar, espancar, deixar com fome, colocar corrente…eu já vi muitos casos desse tipo.Hoje mesmo eu vi um acorrentado e muito sujo na área de uma casa… é de cortar o coração… ou povo desumano.Portanto tenham muito cuidado com os adotantes, a maioria é fogo de palha.

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>