• Home
  • Vira-lata paraplégica é operada e recebe doações em Campo Grande (MS)

Vira-lata paraplégica é operada e recebe doações em Campo Grande (MS)

18 comments

Cirurgia da cadela Mel durou cerca de 2 horas (Foto: Hélder Rafael/G1 MS)

A cadela Mel,de 3 meses de idade e que perdeu os movimentos das patas traseiras após ter sido agredida, passou por uma cirurgia na quarta-feira (21) em Campo Grande. Segundo a veterinária Ana Lúcia Salviatto, o animal está bem e recupera-se em uma clínica particular. A Polícia Civil investiga quem teria provocado os ferimentos na cachorrinha.

O procedimento levou 2 horas e foi feito pelo cirurgião ortopedista Thales Ovando, que descomprimiu a medula no local onde houve fratura na vértebra. De acordo com o médico, ainda não é possível saber se a cadela voltará a andar normalmente.

Mel deve ser submetida a outra cirurgia na pata traseira, em prazo médio de 15 dias, pois apresenta uma fratura na tíbia.

Devido à lesão na coluna, os membros inferiores de Mel ficaram paralisados. A cachorra continua recebendo medicação e vitaminas e já melhorou da anemia. “A Mel está clinicamente bem, está faceira, nem parece que passou por uma cirurgia. Essa operação vai aumentar a qualidade de vida dela”, diz Ana Lúcia. Mel ainda recebe complementos para fortalecer os músculos.

Doações

A veterinária Raquel Masae Hosokawa, que também acompanha o tratamento de Mel, conta que, nos últimos dias, a clínica recebeu várias doações de medicamentos, fraldas e ração, além de dinheiro, para auxiliar nas despesas do tratamento de Mel.

Fraldas e cadeirinha foram doadas para Mel (Foto: Hélder Rafael/G1 MS)

“As pessoas nos procuram diariamente para saber como ajudar. Vamos fazer uma listagem de produtos necessários e também de custos, porque os médicos que atendem a Mel já estão prestando serviços com preço bastante reduzido”, diz Raquel.

Como as chances de Mel voltar a andar são reduzidas, ela deve precisar de uma cadeira de rodas adaptada para poder se locomover. Um aparelho já foi doado, mas o tamanho é maior do que o necessário. A veterinária Ana Lúcia explica que o andador deve ser feito sob medida para o animal. Como a cachorrinha ainda é um filhote, ela vai precisar de pelo menos três cadeirinhas durante o desenvolvimento físico.

Investigação

No último sábado (17), a Polícia Civil interrogou o homem que levou a cachorrinha até a clínica. Em entrevista ao G1, ele negou envolvimento no caso, mas disse que presenciou a agressão. O homem, que preferiu não ter o seu nome divulgado, prestou depoimento à delegada Suzimar Batistela, da Delegacia Especializada de Repressão a Crimes Ambientais e Proteção ao Turista (Decat).

Mel terá que ser submetida a outra cirurgia daqui a 15 dias (Foto: Hélder Rafael/G1 MS)

Fonte: G1

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Q Deus ilumine a Mel, q ela possa voltar a andar e encontre um lar amoroso, q seu agrassor seja encontrado e punido severamente… amem.

  2. cada vez que vejo sobre essa matéria, fico feliz em ver que as pessoas se sensibilizam com o caso, e fico agoniado de ver que um retardado fez isso com uma filhote dessas, eu tenho uma filhote (que adotamos) em casa, e ela já comeu todos os nossos chinelos, ficamos com raiva, mas isso não foi motivo para desistirmos dela…

    e aproveitando a ocasião, qm tem como ajudar, olhem tb os nossos outros bichinhos, não vamos somente focar nos que mais aparecem na mídia, tem muito mais deles precisando de nossa ajuda (como ração por exemplo).. #ficaadica

  3. CADEIRINHAS DE RODA PARA CÃES – GRÁTIS
    PesSoal, a Dani e o marido estão fabricando cadeiras de rodas para cães – SEM CUSTO, estão fazendo porque gostam de ajudar! Vamos fazer essa mensagem viajar pelos grupos, certamente alguém sabe de outro alguém que precisa!
    Contato com a Dani Navarro no: d_nramos@hotmail.com

  4. Quanta violência…mas Deus ajudou e encontrou um anjo da guarda para ajudá-la e tenho certeza que irá encontrar uma alma boa que irá adotá-la. Muita luz para a Mel e que Deus abençoe os veterinários e todas as pessoas que direta ou indiretamente estão apoiando o tratamento da Mel.

  5. é muito triste ver essa foto , e saber que um desalmado fez isso , um ser indefeso na mão de um crápula , é uma pena que ainda existam na nossa sociedade seres despreziveis que maltratam anjinhos como esse , fico desacreditada do ser humano , espero que esse covarde tenha uma vida bem sofrida

  6. De coração fico imensamente feliz, por ela estar bem e por ver o quanto está recebendo ajuda…queria mto ela pra mim..será que tem como?

  7. Ainda bem que existem muitas pessoas boas, não consigo nem pensar como esse boçal teve a coragem de bater num cachorrinho tão fofo. Cadeia pra esse safado!

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>