• Home
  • Cães especiais precisam de muita ajuda, em SP

Cães especiais precisam de muita ajuda, em SP

0 comments

Lincoln Seiji
lincolndogrescuer10@gmail.com

Quatro cachorrinhos especiais precisam de ajuda!

Foto: Divulgação

Poodle branca velhinha retirada da rua pela Lourdes. Abandonada para morrer, magra, pele e osso, velhinha com dificuldades para enxergar.

Adoção ou resgate no 11 8484-7676.

No momento a poodle foi deixada na casa de uma simpatizante na favela, mas a Lourdes teme que essa senhora não  esteja cuidando muito bem da pobre cadelinha.

Linda poodle marrom cega abandonada na rua. Foi retirada pela protetora Silvia do Carrãozinho.

Foto: Divulgação

Linda, simpática e muito sapeca, apesar de cega. A Silvia está com vários animais doentes e ninhadas abandonadas no seu portão.

Resgate ou adoção com a Silvia no 11 2753-5749/6867-2586

Cachorrinho atropelado fica paraplégico e é negligenciado pela família.

Essa família horrorosa deixa os cães pela rua e o resultado foi desastroso, o pobre cachorrinho da foto foi atropelado e ficou paralítico.

Foto: Divulgação

A batalhadora protetora Suely está cuidando, dá banho, alimenta, cuida, mas o pobre cachorro ainda fica na casa dessas pessoas sem coração.

A Lourdes está precisando de uma cadeirinha média para que o menino possa andar um pouco e pode até trocar por uma pequena e outra grande que ela possui. Também aceita possível adotantes!

Contato com a Suely no 11 2019-8544

Pinscher velho e cego é abandonado na rua.

Foto: Divulgação

A simpatizante Simone apenas pegou o pobre cachorrinho, pois senão algum carro iria matar o pobre cachorrinho.

Por favor, resgate ou adoção urgente para o pinscher cego no 11 2703-2350/8899-3324.

Pastora alemã linda precisará passar por delicada cirurgia.

A simpática e querida pastora alemã linda (batizei de Princesa), retirada da rua de atropelamento, deverá passar por cirugia de amputaçao da cabeça do fêmur. Segundo a Dra Débora e outros três veterinários que analisaram o Raio-X da peluda, esse deverá ser o procedimento, pois a pastora sente muitas dores e não consegue apoiar a patinha no chão.

Foto: Divulgação

Por favor amigos, já paguei um mês de hotelzinho, remédio, Raio-X, taxi dog e agora precisamos enfrentar mais uma cirugia.

A Dra Débora fará jutamente com amigo ortopedista a cirurgia e o preço será bem em conta para ajudar a pobre cachorra, 350 reais, com anestesia inalatória e ainda castração.

Contato comigo no lincolncachorroderua@gmail.com e com a Dra Débora no 11 2143-8392/3438-4102

Dados bancários, para quem quiser ajudar:

Lincoln Seiji Teshima
Banco do brasil
Ag.: 1194-0
Cc: 10.807-3
Cpf: 151037718/29

Erica Yuriko Teshima
Banco itaú
Ag.: 1063
Cc: 09551-5

Pobre cadelinha entrou no cio.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Quem pode resgatar? Tem um cachorro magro, pele e osso que está seguindo a pobre cadelinha, e também outros machos.

Contato comigo no lincolncachorroderua@gmail.com

Mãezinha e dez filhotes ainda estão abandonados na rua.

Foto: Divulgação

Quem pode resgatar? A protetora Cleonice está ficando aflita pois os filhotes já começaram a andar e teme que comecem a morrer atropelados.

Contato no 11 2962-2510

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Gente a cachorra paralítico não pode permanecer nesse lar. Nâo acredito que eles não façam nada por ela, precisa alguém de fora cuidar, alimentar e dar banho!! Que absurdo!!! Precisamos que doem aquele suporte para ela andar. Alguém conhece alguem, algum contato. Vamos ajudar essa cachorrinha e tantos outros.
    Quanto a cachorrinha que ficou com a senhora da favela, vá fazer uma visita, ou forneça ração, caminha……..Alguém para doar?!?!

  2. Cachorro paraplégico? Sem movimento em nenhuma das quatro patas? Sacrifiquem ele, é o melhor a ser feito pelo memso – afinal qualidade de vida ele já não tem.

  3. Fernanda, antes de desistir dele seria o caso de tentar medidas alternativas como acupuntura e fisioterapia, isso poderia ajudar e muito o cachorrinho. A pastora tenho certeza que irá se recuperar, minha cachorra sofreu o mesmo problema, deslocou o fêmur e depois da cirurgia para recolocá-lo no lugar e alguns exercícios realizados em casa ela voltou a usar a pata normalmente.

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>