• Home
  • Famílias expulsas de Mutum-Paraná (RO) abandonam animais à beira da morte

Famílias expulsas de Mutum-Paraná (RO) abandonam animais à beira da morte

23 comments

Um leitor do jornal Rondoniaovivo que trabalha nas proximidades do antigo distrido de Mutum Paraná (RO), “cidade fantasma” já que a pequena vila será alagada pela Usina de Jirau, enviou relato de crueldade contra animais, que estão entregues a própria sorte após remoção da comunidade para a Nova Mutum.

Relato por Amauri Leal

Foto: Divulgação

Caminhando pelas ruas abandonadas da Velha Mutum Paraná, em Rondônia, na última segunda-feira (22), vi uma cena que costuma mexer muito comigo, principalmente por me remeter a uma sensação de impotência diante de algo bem maior do que minhas mãos podem alcançar. Uma cadela grávida deitada no passeio de uma “casa abandonada” buscava proteção do forte sol de meio-dia. Com respiração ofegante, ela parecia estar sentindo alguma dor, além do possível incômodo da fome e da sede.

Foto: Divulgação

Minha primeira reação foi ligar para a ESBR-Energia Sustentável do Brasil, mas não tiver como fazer isso, estamos sem comunicação, encontrar cães, gatos e outros animais abandonados nas ruas é um sinal claro de omissão humana. Eles não têm culpa de vivenciar este abandono, mas nós, sim.

Foto: Divulgação

As pessoas têm culpa em não exigir dos políticos ações efetivas para solucionar um problema de interesse coletivo e de fácil solução; têm culpa em não ajudar de alguma forma as entidades que defendem os animais; têm culpa em adquirir intempestivamente animais para depois, irresponsavelmente, maltratá-los ou abandoná-los à própria sorte; e, finalmente, têm culpa em preferir cães e gatos, em vez de adotarem aqueles que aguardam um lar e sequer têm custo.     
 
Grande parte do seu tempo para cuidar daqueles que costumam demonstrar muito mais amor e afeto pelos humanos do que estes por seus semelhantes.

Foto: Divulgação

Também gostaria de convidar o Executivo e o Legislativo municipais, além de todas as entidades interessadas, a debaterem ações maduras, decentes e efetivas destinadas aos animais abandonados da Velha Mutum Paraná.

Quanto à cadela grávida, ironicamente abandonada em frente a uma “casa abandonada”, não voltei a vê-la.
 
Fonte: Rondoniaovivo

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Esses animais precisam de socorro urgente!!! Não tem nenhuma ONG de RO ou a a Nível Mundial para gritar aos 4 ventos na televisão em rede nacional?! Nenhum repórter, ngm da mídia que possa informar esse absurdo a td nação num horário nobre de televisão? Nenhuma autoridade competente que seja digno do salário recebido no final do mês??

  2. Olha, mandei um e-mail (30/08) ,perguntando sobre esses animais, para a Assessoria de imprensa da Energia Sustentável do Brasil, mas ainda não recebi resposta. Na página “contato” da Hidrelétrica de Jirau, não consigo mandar nenhuma mensagem. Não encontro nenhuma Ong ou grupo que possa levar avante alguma ação ali em Porto Velho. a Prefeitura de lá recolhe animais e fazem eutanásia. Se eu mando um e-mail para eles, já sabe onde vão parar os animais. A única forma de ajuda que posso imaginar é enviar esta carta para uma ONG grande e ver se conseguimos que alguém contate a Usina…. Eu moro na Itália, para mim é inviável ligar.
    Rosa

  3. Olha gostaria de saber mais essa cahorra Caramelo e de SP,estava Abandonada na estrada do Alvarengas,e foi adotada pela Patricia aqui em Sao bernardo Do Campo.eu conheço a foto pois foi eu que tireio,ou sao muito identicas e ate o local e identico ou sao as mesma,so que eu afirmo essa cachorra eu a chamava de menina hoje se chama NINA E ADOTADISSIMA aqui EM Sao Bernardo Do Campo SP.

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>