• Home
  • Moradores de rua e cachorrros vivem em calçada há mais de 2 anos, em MS

Moradores de rua e cachorrros vivem em calçada há mais de 2 anos, em MS

8 comments

Foto: João Garrigó/ CG News

Há cerca de 2 anos e meio, segundo os próprios moradores, a calçada da Santa Casa de Campo Grande, na rua 13 de Maio, em Campo Grande (MS) se tornou a “casa” de quatro andarilhos e seus cães. Organizado ao longo de tantos meses, a moradia a céu aberto já conta com cozinha, quarto, sala e até canil. Mas, claro, tudo é improvisado e faltam paredes, teto e o mínimo de estrutura necessária para um lar digno.

A grade do estacionamento do hospital virou um varal. Um casal de cachorros e seus vários filhotinhos são a companhia fiel dos moradores e, pelo menos eles, tem casa de verdade. Segundo os moradores, as duas casinhas de cachorro foram doadas por uma veterinária e os animais ainda contam com roupinhas e coleiras.

No acampamento vivem uma mulher de 25 anos e três homens, de 27, 32 e 51 anos. Eles sobrevivem de doações e a ajuda de “amigos”, como chamam os voluntários. Alguns objetos e instrumentos doados ajudam a amenizar a vida sem teto, mas não diminuem os riscos de quem vive na rua, exposto a sol e chuva.

Quatro vivem no acampamento e tem histórias distintas. Foto: João Garrigó/ CG News

Neste domingo, por volta das 11h, a reportagem encontrou a mulher “arrumando a casa”, enquanto os rapazes preparavam o almoço.  Um dos cozinheiros, um rapaz de 27 anos, frisa que “só passa fome quem quer”. Eles mostram as doações de marmitas e alimentos. Uma mulher, que seria uma das doadoras, foi até o local, mas não quis se identificar e saiu rapidamente dizendo que ia comprar frutas.

Em comum entre os moradores está o vício. Todos se dizem adeptos da “pinguinha”, sendo que dois admitem também usar drogas. Sobre como foram parar na rua, eles dizem que cada um tem uma história diferente. Apenas o rapaz de 27 anos diz que tem família em Campo Grande, o restante conta ter vindo de outros estados.

Fonte: Campo Grande News

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Que pelo menos castem os caes senão coitadinhos vão so sofrer, como a veterinaria doou as casinhas podia castrar os caes, pelo menos ja é um mal menor.

  2. Vamos pedir pra Veterinaria crastrar esses peludinho, já que ela foi tão boa e deu cazinha, pros animais, seria uma grande contribuição aos futoro desses animaias, Natal RN.

  3. O Abrigo dos Bichos tem dado assistência aos animais dos sem-tetos da Rua 13 de Maio não só com casinhas, cobertores e roupinhas arrecadados pela Campanha do Agasalho Animal, mas, tb com ração e atendimento veterinário. O problema é a grande resistência à castração… e estamos tentando convencê-los a isso desde o início.

  4. é… esses cães PRECISAM URGENTEMENTE ser castrados! A população de cães só irá aumentar se eles não deixarem que os castre!!!!!

  5. Glenda, NÓS SABEMOS DISSO… por isso, estamos insistindo em convencê-los. Mas, À FORÇA é que não podemos castrar, concorda?!

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>