• Home
  • Animais exigem cuidados especiais no inverno

Animais exigem cuidados especiais no inverno

1 comments

Apesar dos pelos, cachorros também sentem frio no inverno. (Foto: RP Online/ Stênio de Paula)

Com a chegada do inverno, os animais de companhia precisam de alguns cuidados especiais. Apesar de possuírem pelos, eles sentem frio e não estão imunes a doenças. Para amenizar os efeitos do frio é preciso rever alguns hábitos.

Vacinação, alteração do horário dos passeios, cautela com os banhos e adoção de roupas são algumas medidas de prevenção para proteger os animais das ameaças típicas dessa época do ano. As roupas só devem ser utilizadas nos animais que não se incomodarem em ser vestidos.

Assim como os humanos, os animais também ficam mais suscetíveis às doenças respiratórias no inverno. A principal delas é a traqueobronquite infecciosa canina (popularmente conhecida como gripe canina ou tosse dos canis), doença que causa tosse seca como se o animal estivesse engasgado e pode ser associada a infecções virais e bacterianas. Já os gatos apresentam uma incidência maior de obstrução uretral, já que dormem mais e acabam ingerindo menos água no inverno.

Segundo o veterinário Marcelo Quinzani, diretor clínico do hospital veterinário Pet Care, abrigar os animais em locais protegidos da variação do tempo como ventos, chuva e sereno, é o primeiro item da lista de cuidados que devem ser tomados durante os meses mais frios. A recomendação vale para animais de todas as faixas etárias. “Se o animal dorme em uma área externa da residência é preciso que ele tenha sua casa ou canil”, disse.

Recém-nascidos

Os recém-nascidos devem ter atenção redobrada durante o frio. Todos os filhotes, até os dois meses de idade, ainda não têm uma capacidade eficiente de manter a temperatura corpórea e perdem calor facilmente.

Fonte: Ribeirão Preto Online

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. linda foto, que bençao o poodle santinho vestido com roupinha camuflada. mas não gostei da matéria. outro dia teve uma matéria alertando pra gripe. hoje, com os mesmo sintomas pode-se identificar a taqueo bronquite. é incomprrensivel pro leigo. meu cao jmais recebeu os cuidados necessarios, fui grosseiramente enganado por um medico incompetente até a morte de meu cao. esse tipo de materia nao funciona pro leigo. nao é explicita o suficiente. se for falar de banho, ha de desenhar, isso sim, se nao ha fotos, desenha, explica. estou cansado desse mundo as pessoas sao esperadas a entender tudo em 140 caracteres ou coisa assim.

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>