• Home
  • Cães espancados em casa imunda serão resgatados e precisam de madrinhas, em São Gonçalo (RJ)

Cães espancados em casa imunda serão resgatados e precisam de madrinhas, em São Gonçalo (RJ)

9 comments

Graziella Pitanga
graziellapitanga@hotmail.com
Foto: Divulgação/ Graziella Pitanga

A denúncia, publicada pela ANDA, não é infundada. Já foram duas pessoas no local e comprovaram esse relato de maus-tratos. Em São Gonçalo, RJ, no bairro Patronato, tem uma casa com muitos cães sendo vítimas de maus-tratos. Um cheiro horrível vem dessa residência, uma quantidade enorme de cachorros aglomerados em um lugar muito sujo, todos acorrentados e amontoados, eles mal podem se locomover. Existem muitos ratos, baratas e muito lixo ao redor, além das suas próprias fezes.

O barulho de latido era horrível, era um latido de choro e de dor. Tem um homem nessa mesma residência que xinga os pais e agride os cachorros com pedaço de pau, os cachorros são espancados diariamente tanto por esse homem como por uma senhora que mora lá. Os vizinhos relataram que essa senhora é muito problemática, aprisionou o filho desde pequeno dentro dessa residência, o menino era normal na infância não tinha nenhum problema, e a mãe por paranóia, nunca deixou o menino ir para rua, com medo de ser atropelado. Já se passaram 30 anos e esse rapaz vive em cárcere privado por causa dessa mãe, tomando anti-depressivo todos os dias. Por isso a agressividade desse rapaz quando não está à base de calmantes. Ele desconta toda sua raiva nesses cachorros.

O rapaz espanca os cachorros com pedaço de tijolos, quando um dos cachorros tenta fugir. Essa família não tem condições psicológicas de ter nenhum animal sequer, e esse rapaz precisa de socorro senão irá morrer de depressão. Ou ele vai se suicidar.

São 15 cães na casa. Já se passou um ano e as autoridades, como a Polícia e o Ministério Público não fizeram nada. Os cães se multiplicaram, tiveram crias. Agora tem 30 cães, sendo que todos eles estão aprisionados no sobrado. A senhora trancou eles lá porque a polícia e SUIPA já foram lá. A SUIPA recolheu alguns cães, mas a infeliz pegou outros na rua. Os vizinhos disseram que quando a polícia esteve lá, não conseguiram entrar na residência, pois é necessário um mandado de busca para entrar e recolher esses animais indefesos. Ela tem medo da polícia, pois quando a viatura chega lá, ela se faz de boazinha e diz que só fica com eles para tirá-los das ruas. Por isso, agora os cães ficam escondidos no sobrado. Imagina o estado desse sobrado, imundo e fetido!

É muita covardia e violência lá, os cães com certeza estão em péssimo estado. Antes de ficarem presos no sobrado, dava para ver o estado dos cães: sem pêlos, magros, com certeza anêmicos, com doença do carrapato, etc.. Esse caso está arquivado no Ministério Público. Eles só responderam o e-mail que o denunciante enviou:

“Ref. Protocolo nº. 111277. Sr(ª). Noticiante, Estamos encaminhando o seu documento por e-mail ao 7º Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça de Investigação Penal. Atenciosamente, Ouvidoria-Geral do MP/RJ”

Como mais nada foi feito até hoje, um resgatador de animais vai tirar os cães do local junto com a polícia. Tirá-los dos maus-tratos já é meio caminho andado. Não dá pra colocá-los num lar temporário, pois custa R$ 200,00 pra cada cão. Melhor alugar um imóvel e colocarmos quantos cães forem necessários lá.

Após conseguirmos um imóvel para alugar, ração mensal e uma pessoa para cuidar deles, aos poucos, vamos conseguindo as outras coisas, como remédios. Os cães em estado mais grave podem ir logo ao veterinário. Depois os outros vão pra fazer check-up e serem castrados. O urgente é tirá-los de lá, interditar esta senhora louca, doente e problemática por meio de denúncia de maus-tratos, para ela ser notificada, avisada, aí por medo, pode ser que não pegue mais cães. Ou melhor, no dia do resgate, vai ser possível prender essa senhora, processá-la por maus-tratos, vai ser levada para a delegacia e registrada na lei 9605/98 art 32 pelo crime. O filho dela devia ser internado.

Por favor, ajude a divulgar esse caso pra eu conseguir um bom número de madrinhas/padrinhos que podem realmente se comprometer em ajudar uma única vez, ou preferencialmente, ajudar mensalmente com as despesas. Se muitos ajudarem, o valor da contribuição pode ser mínimo e não fica pesado para ninguém.

Depois de ver quantas madrinhas/padrinhos tem para ajudar, vai dar para escolher o imóvel para abrigar os cães, o veterinário para serem encaminhados e em seguida vai dar para começar a tirar os cães de lá. Mais pra frente vamos tirar fotos de cada cão a fim de divulgar a adoção e diminuir a quantidade de cães no abrigo.

Conta para depósito:

Itaú

Ag.: 0485
Conta Poupança: 79575-1/500
Graziella B. Pitanga

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. o jornalista desse caso de patronato-SG fez um ótimo trabalho. está tudo cristalino feito água. a foto é muito triste, com tudo entulhado a ponto de cair e soterrar algum cão e o cãozinho atrás da grade no canto esquerdo está muito maltratado. não quero ocupar o espaço do anda já que não posso ajudar. sei que elogio não vale nada, mas só queria dizer que nada vai poder destruir a ação de vocês e que tudo será um sucesso.

  2. Obrigada Mateus, pelo elogio! Quero avisar a todos que também existe uma outra possibilidade de ajudar os cães. É cada pessoa sensibilizada que puder salvar um desses cães ficar responsável por um cão. No dia do resgate, poderá escolher o cão pra cuidar dele. Com ele em mãos, levá-lo de imediato ao veterinário e começar a cuidar das necessidades que surgirem do cão: tratamento pra doença do carrapato, doença de pele, além de vaciná-lo e posteriormente castrá-lo se assim desejar. Quem quiser ser o responsável por um cão, salvá-lo e adotá-lo, ou dá-lo depois pra adoção, deixe o seu e-mail aqui que informarei o dia e hora do resgate, pra comparecer.

  3. Eu quero é JUSTIÇA! Eu quero ver os responsáveis por essa barbárie pagando por seus atos, sendo ou não doentes mentais! Isso não existe, de alguma maneira têm que pagar!!!!!!!

  4. Graças a Deus, quase ñ durmo ontem pensando nesses coitados, Deus proteja vcs protetores, ñ deixem de dar noticias, Natal RN.

  5. Olá, boa tarde! Fiquei chocada com esse caso e vim aqui para avisar que vou depositar um valor para ajudar esses animais. Queria poder adotar algum mas adotei a 2 anos uma cadelinha vira lata que também estava muito doente e abandonada e como moro em apartamento pequeno, não dá para ter mais um. Vontade não falta!! Continuem lutando pelos animais, parabéns pela iniciativa e contem comigo para ajudar!

  6. Gente, deixem seu e-mail aqui pra eu poder responder pra vocês! Manu, uma amiga que eu tenho ficou sabendo hoje da história dos maus-tratos dos cães de São Gonçalo e tivemos a idéia de algugarmos um imóvel perto de onde a gente mora. O bairro em que eu moro é Olaria, conhece?

    Já que tirar logo os cães daquela casa de Sao Gonçalo é importante pois são espancados diariamente, é preferível colocá-los rapidamente num imóvel alugado. Vai virar um abrigo. Cada dia da semana vai uma pessoa lá cuidar dos cães, dar água, comida e limpar a sujeira. Seria eu, essa amiga e outras protetoras que morem próximo. Ou vamos contratar alguém de confiança pra fazer isso, tem alguém que se prontificou de pagar isso mensalmente.

    E com calma, aos poucos, com o dinheiro arrecadado, vamos levar os cães para o veterinário, principalmente os cães em estado grave, se tiver.

    A ração, vou providenciar direto com o fornecedor pra pagar metade, ou quase metade do preço. Malu, se você puder ajudar doando uma quantia ppra cobrir qualquer despesa, serei muito grata! E Mariana Barbosa, muito obrigada por depositar algum valor para ajudar!

  7. Olá Graziella, queria saber se já tem alguma posição quantos aos animais. Por favor, me mande um e-mail :chrisnuneslima@yahoo.com.br

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>