• Home
  • Ativistas espanhóis são presos como ‘eco-terroristas’

Ativistas espanhóis são presos como ‘eco-terroristas’

5 comments

Foto: Publico.es

Por Lobo Pasolini (da Redação)

Doze ativistas pelos direitos animais foram presos na Espanha e estão sendo rotulados pelas autoridades como ‘eco-terroristas’, a nova arma da indústria para impedir que o horror da exploração dos animais chegue aos olhos do público.

A notícia foi comentada pelo respeitado blog Green Is The New Red (Verde É o Novo Vermelho) mantido pelo jornalista vegano Will Potter, que escreveu um livro sobre esse perigoso desdobramento da era Bush para perseguir ativistas que trabalham na linha de frente.

A grande mídia chegou a reportar que os ativistas da Igualdad Animal, que realizam resgates abertos, teriam conexões com a Animal Liberation Front. Mas o porta-voz do grupo, Javier Moreno, que também foi preso, disse que eles estão sendo alvos do governo por que esse não conseguiu encontrar as pessoas que cometeram crimes atribuídos a ALF. Trata-se de uma tentativa de criminalizar o movimento, ele disse.

Segundo Will Potter, o caso lembra o recente episódio ocorrido na Áustria, onde ativistas foram taxados de terroristas. Mas é muito cedo para traçar comparações, ele disse.

Já estão programados para amanhã (24 de junho) protestos em frente à embaixada espanhola nos Estados Unidos, Alemanha e Bélgica, Áustria, Inglaterra e cidades espanholas. Segundo um relato do advogado, o grupo está sendo tratado adequadamente pelas autoridades, embora não estejam recebendo comida vegana. Alguns ativistas declararam greve de fome até que recebam alimentação vegana. Eles estão detidos nas delegacias de polícia de Santiago de Compostela e A Coruña.

Nessa página encontra-se uma lista de consulados espanhóis no mundo, inclusive o Brasil. Por favor, telefone registrando protesto contra a prisão dos ativistas e pedindo que comida vegana seja providenciada para eles enquanto eles estiverem nas mãos da polícia.

About the Author

Follow me

Blogger, jornalista, videomaker, ativista vegano.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. comida vegana seja providenciada. voce acredita? são capazes de arrumar comida vegana sim, mas cuspir nela, colocar frango e carne bem triturada misturada na massa da comida e outras maldades. não duvide disso. o certo seria alguem ter acesso ao local onde estão detidos e entregar pessoalmente as quentinhas com as verdadeiras comidas veganas, entregar frutas, barra de cereais, bebeidas e comida quente. existe muita maldade nesse mundo.
    o video é otimo… os porquinhos bebe sendo cuidados pois estavam com ferimentos.
    mas vai ver os videos relacionados. não é seleção aleatoria do youtube. é estritamente o que as outras pessoas que assistiram o video do resgate assistiram em seguida. logo, ainda que haja audiencia é de pessoas maldosas.
    acho que a peta, que financia a alf, devia se pronunciar em vez de só se preocupar em aparecer quando o morrisey é flagrado na churrascaria, e dizer que lá tem otimas comidas veganas, “- o motivo dele ter estado lá”.

  2. Pouco importa o que os ativistas fizeram – contanto que ” fizeram a coisa certa e o que devia ser feito ” .Libertem-os!!

  3. Por que prender pessoas que lutam pelo bem de outros? O comportamento ignorante é fácil e tenta ofender quando existem pessoas justas e que lutam por isso.

  4. Ovo-lacto-vegetarianos já sofrem muito porque falta opções, vegetarianos sofrem mais ainda. Imagine os veganos. Como podem maltratar usando a ideologia da pessoa? Isso é sério.

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>