• Home
  • Morte de golfinhos preocupa ambientalistas no sul da Bahia

Morte de golfinhos preocupa ambientalistas no sul da Bahia

0 comments

Nos últimos dois meses, já foram encontrados 11 animais sem vida. Golfinhos apresentam marcas de redes de pesca e furos de arpão.

O aparecimento de golfinhos mortos da Costa do Descobrimento, no sul do estado preocupa os ambientalistas. Nos últimos dois meses, já foram encontrados 11 animais sem vida. O último foi em Porto Seguro.

Um golfinho adulto de quase dois metros foi encontrado morto na praia das Pitangueiras, no Centro de Porto Seguro. No bico e em várias partes do corpo, as provas da causa da morte: marcas de rede de pesca.

Este não foi o primeiro caso. Nos últimos dois meses, 11 golfinhos da espécie sotália guainazes, mais conhecida como boto-cinza, foram encontrados mortos em praias de três cidades da Costa do Descobrimento. A maioria deles com marcas de rede no corpo. O coordenador da ONG Pat Ecosmar, criada há 15 anos, acredita que a maioria das mortes foram acidentais.

Outros dois golfinhos morreram depois de tentativas de captura por pescadores. Furos de arpão foram encontrados nos animais.

Especialistas alertam que o aumento na quantidade de golfinhos mortos na Costa do Descobrimento pode comprometer a cadeia alimentar dos peixes e prejudicar o ecossistema marinho da região.

A ONG Pat Ecomar, que também atua na proteção de tartarugas marinhas, tem convênio com o projeto Tamar e com o Ibama. Mesmo tendo estes parceiros, a organização conta apenas com a doação e o trabalho de voluntários que trabalham diariamente na preservação da fauna marinha da Costa do Descobrimento.

Assista ao vídeo.

Fonte: G1

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>