• Home
  • Família enfrenta ameaça nuclear para ficar com cachorro no Japão

Família enfrenta ameaça nuclear para ficar com cachorro no Japão

9 comments

O casal Akiko e Martin com a filha Juno e o cão Chibi (Imagem: Reprodução)

A descoberta de plutônio no solo da usina nuclear de Fukushima, no nordeste do Japão, e a alta radiação na água levaram o governo japonês a admitir nesta terça-feira (29) que a situação é “muito séria” e continua fora de controle. O sistema elétrico de esfriamento da central foi afetado pelas ondas de 13 metros do tsunami provocado pelo terremoto que atingiu o país no começo do mês.

No entanto, nem o quadro de terror e ameaça nuclear é capaz de fazer o professor britânico Martin Dean, 36, e sua mulher Akiko, 31, abandonarem a ilha. Segundo o tabloide “The Sun”, eles recusaram propostas de viajar para o Reino Unido com a filha Juno, 3, para ficar ao lado do poodle da família, Chibi, e da família de Akiko. “Temos testado a radiação e estamos bem”, contou Martin.

A casa onde eles moram fica a apenas a 28 km da usina nuclear e eles foram levados para um centro de evacuação. O cãozinho não pode entrar no abrigo, então o britânico passa a noite com ele no carro, apesar das baixas temperaturas.

“Ele é muito corajoso”, disse Ruth, 63, mãe de Martin, que mora em Brighton.

O casal, porém, está preparado para partir caso a situação em Fukushima se agrave. “Temos dois carros cheios de combustível prontos para sair imediatamente se piorar”, contou Martin.

Fonte: UOL Notícias

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Gostei desse cara, gostei dessa família! Mas bem que eles poderiam viajar todos juntos para o Reino Unido… Será que o país não aceita o caozinho? Ou será que houve restrições por parte da companhia aérea?

  2. Realmente são um casal maravilhoso,eles reconhecem o amor do cãozinho para com eles.
    Não é a toa o Japão possui as pessoas mais maravilhosa, mais amorosa.

    parabéns a este casal.Desejo tudo de bom pra vcs e seu cãozinho.

  3. É DE MORRER NÃO PODER LEVAR UMA “PESSOA” DA FAMILIA. QUE TRISTEZA. MAS SE DEUS QUISER DA TUDO CERTO. GENTE, ANIMAL FAZ PARTE DA FAMILIA!!!!

  4. Parabéns a esse casal, enquanto muitos não pensam duas vezes e abandonam sem remorsos, eles estão se solidarizando e só sairão de lá se levarem ele junto. Ganho forças quando ouço essas notícias que vem do outro lado do globo.

  5. Com certeza faria de tudo para ficar com o meu cão também. Seria contra os meus princípios abandonar o cãozinho. Agora, pergunto, por que os animais podem ser abandonados na radiação? É injusto. São seres vivos também.

  6. Família exemplo essa. Deve ser terrível, ter que mudar e deixar alguem da família p/ trás…
    Nunca passei por isso, mas se passasse, não iria, pois não deixaria alguem da minha familia, pra trás, de jeito nenhum.Iríamos todos juntos ou não iríamos.E os 2 cãezinhos que tenho fazem parte da minha família!!!!! Que Deus ajude essa família a conseguir levar o cãozinho tb, para onde forem….Não deixe ele p/ trás….será muita tristeza….abs

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>