• Home
  • Cadela despejada pela Justiça e tutora deixam prédio onde moravam

Cadela despejada pela Justiça e tutora deixam prédio onde moravam

19 comments

A cachorra da raça fox terrier que a Justiça determinou que fosse expulsa do condomínio deixou o prédio onde morava em Araraquara, a 273 km de São Paulo. A determinação foi dada após uma vizinha que estava incomodada com os latidos do animal conseguir uma liminar.

O novo endereço de Cherri , da raça fox terrier, agora é a casa do namorado da tutora, que tem a cadela há sete anos e se mudou depois de receber uma ordem de despejo.

A moradora recebeu a visita de um oficial de Justiça com uma liminar onde determinava um prazo de 48 horas para que a cachorra fosse retirada do condomínio. Como a mulher não tinha com quem deixar Cherri, ela se mudou do local.

Na liminar ainda constava uma multa de R$ 700 por dia depois do prazo estipulado para a saída do animal. A vizinha que entrou com a ação na Justiça, mora no apartamento da frente. Ela diz que a cadela ficava praticamente o dia todo sozinho. Segundo ela, os latidos da cachorra eram constantes e perturbavam muito.

A tutora do animal já acionou um advogado e disse que vai recorrer da decisão. De acordo com ela, nenhum outro morador reclamou da cachorra.

Fonte: R7

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. É a justiça brasileira dando o exemplo. Quando a filha da nossa querida vizinha chorar, entremos na justiça para expulsar a filha de casa, afinal a mãe sai pra trabalhar, deixa a menina o dia todo sozinha com uma babá, e ela chora muito, me incomoda!

  2. Essa mulher q reclamou é muito exagerada, chegou a passar mal – Me poupe !!! Imagine se meus vizinhos reclamassem de mim, aqui são 8 e pelo contrário, todos gostam !!! Parabéns pra dona da Cherry q não a abandonou !!!!

  3. Muito injusto essa decisão… também trabalho e meu cachorro fica em um apartamento e não tenho como ficar o dia todo com ele, essa vizinha trabalha??? Tem coração??? Porque não tentou ajudar ao invès de criticar??? Há pessoas que gostam demais de barracos, de brigas e confusões e penso que tudo na calma e com amor se resolve… O cão não pode ser prejudicado…como podemos ajudar???? O certo era a vizinha então se mudar para o meio de um deserto, pois crianças, cachorros sempre os terá em condomínios…Quem não gosta do meio que se vive tem que procurar outro e ser feliz…Vizinha acho que vc deveria mutar as rotas da sua vida, ir nas feiras de doação para ver a besteira que está fazendo com a tutora do animal…

  4. Tem que recorrer da decisão, sim!
    Essa vizinha pensa que é quem?!

    Então, quando eu tiver um vizinho com crianças barulhentas e mal-criadas, vou poder entrar com uma ação, certo?!?! Se eu fosse seguir essa linha de pensamento, ia ser assim!

  5. O mais estarrecedor é que a Justiça julgou rapidamente, assim eu creio, e sentenciou um animal a carregar uma “cruz” por onde andar e se instalar. Vão julgá-lo sempre como um animal que perturba a paz da vizinhança.

    Queria muito que a justiça tivesse esse mesmo empenho e rapidez para julgar a saída de vizinhos que, a despeito do julgamento, incomodam muito com diversos sons por 12 horas.

  6. Essa é demais, vc mora no q é seu, pagas suas contas, vive as suas custa, trabalha, tem seu animal, , tudo lhe pertence, ai vem uma desoculpada, e arruma toda essa confusão, é demais.

  7. Incrível é ver que tem gente que acha normal deixar um cão o dia inteiro sozinho trancado num apartamento!

    É óbvio que o cão fica estressado e é óbvio que vai latir! O erro é da tutora que não pensa no bem estar do animal!

    Animal não é objeto de decoração! Não tem condições de cuidar, não tenha animais! Simples assim!

  8. é isso, vai saber se realmente o caõzinho chorava de solidão, tem animais que NUNCA se acostumam ficar só, se for esse o caso, trata-se de um ato correto, pois é desumano isso, precisa ouvir os dois lados….!!!!

  9. É De em que mundo vc vive minha querida??????com milhares de animais abandonados e simples assim não os ter???? Que pensamentozinho mais EGOÍSTA o seu hein??? Fico imaginando o quanto vc gosta de animais acho que prefere vê-los na rua, abandonados e doentes, atropelados, com fome, sede e frio, além de toda a sorte de maldades pelas quais os seres “humanos” são capazes de lhes inflingir… Realmente vc não deve conhecer a triste realidade destas criaturas mesmo, pra vir dizer uma asneira desta, pelo amor de Deus, pra mim que vc deve ser esta vizinha estressada, mal humorada, mal amada e totalmente egoísta, ahhh me poupe, cada coisa que a gente tem que ler que chega a dar nojo!!!
    Minhas cadelas vivem sozinhas no apartamento, duas foram retiradas de todas estas barbáries que especifiquei acima, trabalho pra caramba, aliás quem neste país não trabalha????Imagine se só tivessem animais quem vive a toa dentro de casa???Bom acho que vou parar por aqui, isto tudo até me desanima, por isso o mundo tá essa droga, acho que realmente não tem conserto, enquanto as pessoas se preocuparem só com o próprio umbigo a coisa vai é desandar de vez…
    Quanto esta neurótica desta vizinha gostaria que quem ocupasse o apartamento da tutora fosse um marginal da pior espécie com filhos igualmente a ele e que fizessem arruaças dia e noite queria ver pra quem ela iria chorar, esta rabugenta…

  10. Por favor, não sei se o pior é a decisão absurda de despejo do animal ou os comentários dos apresentadores. Ela que recorra sim desse absurdo..
    O direito de se ter um animal em casa procede do direito de propriedade, garantido pela Constituição.

  11. Mais uma vez um pobre animal sem defesa é tratado como objeto.Vitima do preconceito ate da midia que acha correta a atitude da justiça mas não pensa em momento algum na situação de bem estar dele que por estar sozinho talvez boa parte do dia ,não tem outra forma de pedir socorro,a não ser da unica maneira que pode se comunicar ,que é latindo.

  12. Valeria: Vc mesmo deu resposta quando criticou a De, as suas cadelas se fazem companhia oras!
    Eu não fico 24 horas com meus animais, mas tenho vários cães e gatos, e portanto nunca estão sozinhos. 😉
    O Problema é largar um cão sozinho, sendo que fica 24 horas trancdo no apto sem leva-lo para fazer exercicio e passeios diários. Então adota outro ou realmente não tenho animal apra não passar por sofrimentos como esse.

  13. Valéria, o seu comentário é bem típico de pseudo-protetor que se acha no direito de julgar outras pessoas sem conhecer!

    Quem é vc pra saber se eu gosto ou não de animais e o que eu penso sobre eles? Algum tipo de vidente?

    Ajudar um animal é dar a ele uma vida digna! Com carinho, amor e atenção!

    Não basta colocar dentro de casa e deixar o cão solitário!

    Cães são animais sociais, se vc não sabe! PRECISAM de companhia!

    Sorte das suas cadelas terem umas às outras!

    Do contrário, poderiam ficar como este pobre cão e desenvolver comportamentos compulsivos e até autodestrutivos.

    Cães precisam de cuidados, companhia, passeios…

    Do contrário, são só objetos de decoração numa casa.

    Infelizmente, assim como vc, existem várias pessoas que acham que basta colocar um prato de ração e uma vasilha de água pra poder encher a boca e dizer: Olha só! Tenho um cão! Salvei a vida dele!

    Sem prestar atenção na vida miserável que ele pode estar tendo agora!

    Responsabilidade não é só adotar ou resgatar. É dar qualidade de vida!

    Se for pra transformar o cão num animal estressado, neurótico e sofrido, é melhor não ter mesmo!

  14. ViVI uma pergunta: quem falou que o animal fica 24 hs sozinho???? isso impossivel, nimguém trabalha 24 hs por dia amiga….apenas relatando que todos trabalham..para se comprar remedios, rações precisamos trabalhar…já que você não tem animal porque então nao adota apadrinhando um animal que precisa de tratamento???? Nossa vamos nos unir para tentar ajudar nossa amiga e não adianta ficarmos batendo bocas… Quem está londe de casa não somos nós, mas o cãozinho…
    Bjsjs a todo mundo!!!

  15. Por que a Vizinha que esta reclamando, nao mostrou a cara dela
    na tv ? Porque sabe que esta fazendo algo errado, Tenho
    cachorro, que late o tempo todo quando saio para trabalhar, moro
    em um apto em Nova Iorque, e ninguem reclama.
    Caes sao assim, gostam de estar com os donos o tempo
    todo e quando nao podium latem.
    Meh recado para a vizinha: Voce e uma atoa que nao
    faz nada da vida, deveria ir trabalhar, nao tem vergonha
    de tomar uma atitude como essa? Se voce esta mal
    de saude, a causa nao e o cachorro, voce e uma ignorante,
    sinto pena, que a dona do cachorro, tenha que abandonar
    o lar por causa de uma mulher vil, como voce.
    Recado a dona do cao: Ponha o caso na justica, e parabens
    por nao abandonar seu animal, alguns o teriam feito.
    Percebi que a sua cachorrinha e muito bem tratada e
    um animal docil, voce deve procurar um lugar melhor
    para morar, onde vOc

  16. Que tomem cuidado os outros moradores, pois a chata vai logo logo arrumar outro alvo para descontar sua infelicidade, seja lá ‘quem’ o ‘que’ for. Conheço bem este tipo de pessoa. Já vi morador reclamar do “barulho do joystick sendo apertado” pois o vizinho já jogava o video game sem o som da tv…

  17. se a dona fosse tão desleixada com a cachorra, simplesmente não iria sair da sua moradia com ela, e sim doa- la ou abandona-la por ai. meu cachorro passa o dia sozinho, vou na hora do almoço pra casa, e mesmo super cansada do trabalho aindo saio com ele pra passar a noite e finais de semana.
    pelo que eu saiba, existe uma lei que impede que o animal seja retirado de um condominio,ha não sr que cause trantornos ou seja prejudicial a saude dos demais condominos.
    nem impedir que o cão use o elevador com seu dono, não podem, pois isso seria maus tratos aos animais.
    agora me pergunto, se o condominio não pode passar por cima de uma lei que esta em vigor, o que faz uma unica moradora conseguir isso? seria o fato dela trabalhar num forum? eis a questão…

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>