• Home
  • Ceará inaugura centro de reabilitação de animais marinhos

Ceará inaugura centro de reabilitação de animais marinhos

1 comments

Nova estrutura da Aquasis será a segunda no País voltada para o atendimento de mamíferos marinhos

O Ceará vai ganhar um novo Centro de Reabilitação de Mamíferos Marinhos (CRMM). A iniciativa é da Aquasis e faz parte do Projeto Manatí para Conservação de Mamíferos Marinhos (CRMM), fruto da parceria entre o Sesc e Aquasis. A apresentação do local será feita na próxima segunda-feira, às 19 horas, na Colônia do Sesc Iparana, em Caucaia. O CRMM é patrocinado pelo Programa Petrobras Ambiental.

O CRMM terá estrutura apropriada para reabilitação de filhotes órfãos de peixe-boi marinho. Foto: Divulgação

Com investimento de R$ 1,9 milhão, o CRMM terá estrutura apropriada para reabilitação de filhotes órfãos de peixe-boi marinho, considerado o mamífero marinho mais ameaçado de extinção do Brasil, sendo o Ceará e o Rio Grande do Norte os Estados campeões em número de encalhe desses animais.

A nova estrutura será a segunda no País, voltada para o atendimento de animais no Ceará e Rio Grande do Norte, permitindo que animais reabilitados sejam soltos posteriormente no local onde nasceram e evitando as viagens para Itamaracá, em Pernambuco, onde existe o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). A estrutura contará com seis tanques para peixes-bois e um tanque circular para reabilitação de pequenos golfinhos.

Estrutura

Além disso, será construído um prédio que contemplará ambulatório para cirurgias e equipamento para diagnóstico, um laboratório para análise de material biológico, monitoramento e controle da qualidade de água das piscinas, cozinha para preparação dos alimentos que serão ofertados aos animais e alojamento para equipe técnica.

A estrutura permitirá a reabilitação de até nove animais ao mesmo tempo. O período de reabilitação em cativeiro poderá se estender por até 1 ano e meio. Após este período, os animais serão transportados para uma estrutura de cativeiro natural, para soltura posteriormente.

Será semelhante a um curral de pesca, construído no mar em área rasa. Animais que demonstrarem boa adaptação serão marcados com um dispositivo de rastreamento por satélite e soltos. O dispositivo permitirá aos pesquisadores da Aquasis monitorar os deslocamentos diários dos animais, avaliando se estão bem adaptados ao ambiente marinho.

Mais Informações

Cristine Negrão
Telefones: (85) 9675-0664/ 3318-4911

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Boa noite sr(a) minha cidade esta querendo implatar o sistema de Rastriamento de tartarugas e a verba ja esta disponivel entao eu e minha equipe gostaria de como conseguir o sistema de Rastriamento e como realiza o trabalho. o governo tem uma imagem de 5 mil tartarugas por ano.
    meu contato (92)81400128

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>