• Home
  • Yuri, um cão em Portugal que precisa de cirurgia para ter uma boa vida

Yuri, um cão em Portugal que precisa de cirurgia para ter uma boa vida

1 comments

Liliana Ferreira
lilianaferreira.1@gmail.com

No passado dia 12 de Fevereiro, chovendo sem parar, saí de casa para dar de comer a uns bebês que tenho a porta de casa mas que não se deixam apanhar. De repente vejo um “vulto” que me parecia serem um dos cães, dirigi-me para lá. Qual o meu espanto não eram eles, mas sim um outro cachorro cambaleando com um ar aterrorizado, cansado e sem qualquer tipo de orientação. Chovia, chovia, parei o carro e só pedi a Deus para que ele confiasse em mim para conseguir colocá-lo dentro do carro.

Yuri é um cão da raça Collie muito dócil e educado. Ele precisa muito de ajuda. Foto: divulgação

E assim foi, com muita calma chamei-o e ao ver-me parou, olhou para mim e não acreditou que seria uma ajuda. Continuou, chamei outra vez e ajoelhei-me estendi-lhe os braços e com muito carinho falei-lhe. E então parou novamente e com muita lentidão dirigiu-se a mim. Fiz-lhe algumas festas e abri o carro. Peguei nele e lá o levei para casa. Tudo correu bem, respirei de alívio.

No dia a seguir veio a veterinária lá a casa e disse que era necessário RX e o diagnóstico foi pata partida ou seja é necessário operar. A veterinária disse que o tombo deveria ter sido muito forte pois este osso não parte com facilidade e que terá sofrido horrores. Estava cheio de pulgas e carrapatos. Ela comentou a probabilidade de ele talvez tenha se escondido num mato e teria lá ficado dias e dias até ganhar novas forças para continuar a lutar. O acidente ocorreu cerca de uma semana antes, pois já não geme com as dores pois já se habituou a elas.

RAIO-X

Até agora estamos pedindo orçamentos para ver qual o veterinário que faz mais barato.

O meu apelo é para ajudar a pagar os custos da cirurgia. Não sabendo ainda o valor mas apontam para um valor bastante elevado, pois o osso que partiu é uma zona muito complicada para rectificar.

Colocaram-me nas mãos a situação: ou fica assim para sempre e ganha calo osseo e fica com uma pata mais curta do que a outra, ou então opera-se dizendo-me logo que não é uma cirurgia nada acessível. Não consegui optar pela primeira hipótese até porque o Yuri é um cão muito jovem com cerca de um ano. Eu sei que a vida não está fácil para ninguém mas nem que seja 1 euro já ajuda.

Por favor, pelo Yuri, um cão jovem, de uma doçura incrível, que ainda tem uma vida pela frente. Será castrado também quando for operado.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Olha, aqui em casa tivemos dois casos bem parecidos. Essas cirurgias são realmente muito caras. Conseguimos pagar somente com a ajuda de amigos… Faça um email com a foto do Yuri e peça ajuda; os mais próximos costumam ajudar.
    Boa sorte e parabéns por cuidar dessa criaturinha. 🙂

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>