• Home
  • Cachorro que foi atingido por bomba está em recuperação mas ainda precisa de ajuda

Cachorro que foi atingido por bomba está em recuperação mas ainda precisa de ajuda

9 comments

Ana
anacristamato@netpar.com.br

Tigrão sedado após ferimento pela bomba.

O Tigrão, cão ferido por uma bomba que foi jogada em seu quintal propositalmente por um vizinho e parente da família em 31/12/10, causando fraturas, lacerações e queimaduras em sua boca, perdendo parte da língua, ainda se encontra na Sociedade Protetora dos Animais de Curitiba (SPAC) em recuperação. Esta semana será examinado pela odontologista novamente e deverá ir para casa.

Deverá ficar com os fixadores por mais 4 meses e terá que continuar tomando somente o antibiótioco (amoxicilina com ácido clavulânico) por mais 1 mês, outras medicações já foram suspensas. Ele passa bem, come bem e somente comida pastosa. Quebrou alguns colares elizabetanos no início, pois a cirurgia o incomodava muito, batia as patas na cabeça tentando retirar o colar, mas agora já está mais tranquilo. Quando podemos vigiá-lo tiramos o colar e o deixamos andar pela área de atendimento, mas a maior parte do tempo precisa ficar preso na sala de soro, pois não gosta muito dos outros animais. Com os humanos é um querido!

Cão está em recuperação.

A SPAC continuará a fornecer os medicamentos à família, que não tem muitas condições financeiras, mas mesmo assim está fazendo a parte com que se comprometeu na ajuda no tratamento do Tigrão, e não considerou abandoná-lo para não ter despesa ou preocupação. Como já mencionamos, se comprometeu com R$ 400,00 para SPAC parcelados em 4 vezes. A SPAC pagou à vista R$ 350,00 a odontologista para realização do segundo procedimento para colocação do “aparelho” , além da cerclagem que já havia sido colocada em cirurgia pela Dra. Flávia Bianca Pereira no dia em que chegou a SPAC para atendimento, 01/01/11.

Lembrando que a SPAC sobrevive de doações e da renda da clínica veterinária que funciona no local oferecendo valores bem acessíveis e parcelados para que pessoas sem muita condição financeira possam levar seus animais para atendimento, cirurgias, vacinação. Todos os casos emergenciais são atendidos independentemente da certeza do atendimento ser pago ou não e infelizmente a inadimplência é muito grande na SPAC. Por este motivo depende muito da colaboração da população para continuar a manter a estrutura e despesas para socorrer, castrar e alimentar animais sem um responsável, bem como os atendimentos a animais com uma família.

Agradecemos muito a colaboração de todos no auxílio ao tratamento do Tigrão e aos vários outros animais que atendemos diariamente.

O processo criminal foi encaminhado para o Juizado de Menores, sendo que o agressor tem 17 anos de idade. Logo teremos notícias sobre a autuação do Instituto Ambiental dos Paraná (IAP).

Soraya

Sociedade Protetora dos Animais de Curitiba
www.spacuritiba.org.br

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. poxa,fiquei feliz em saber que ele está bem,e principalmente que os tutores não o abandonaram!
    aguardarei noticias sobre o processo criminal deste ser inutil que fez isso com o tigrão1

  2. Estou super feliz em ver q o Tigrão esta bem, parabéns a sua tutora q ñ o abandonou, e a vcs por exelente dedicação, mande sim noticias desse CRAPULA, q ele possa ser pinidp pra aprender a amar e respeitas os ANIMAIS.

  3. Estou super feliz em ver q o Tigrão esta bem, parabéns a sua tutora q ñ o abandonou, e a vcs por exelente dedicação, mande sim noticias do processo desse CRAPULA, q ele possa ser punido pra aprender a amar e respeitas os ANIMAIS.

  4. Não querendo desanimar, mas, se adolescente que rouba, mata e faz o diabo a quatro inúmeras vezes até seguidas não acontece nada, q dirá um que maltratou um animal, o que pra Justiça é café pequeno (apesar de descordar TOTALMENTE), mesmo a gente sabendo que o independente da forma, as vidas tem o mesmo valor.. a vida de um animal tem o mesmo peso q a vida de um ser humano.

  5. Aeeehhhh… E viva o Tigrãoo!!! Ele é muito lindão e merece ser feliz por muitos e muitos anos!! Parabéns a todos que se empenharam e continuam se dedicando a essa longa e dolorosa recuperação.

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>