• Home
  • Vítimas do modismo: operação resgata cães abandonados na Califórnia

Vítimas do modismo: operação resgata cães abandonados na Califórnia

3 comments

O fato de celebridades como Paris Hilton popularizarem o uso de cachorros de porte pequeno como mero acessório fashion levou a Califórnia a sofrer nos últimos anos com uma superpopulação de cãezinhos abandonados, mas uma operação de resgate internacional, batizado de operação Air Chihuahua, é esperança de um lar decentes para esses bichinhos.

Candy, Kobe, Sadie, Winnie, Taylor e Troudy são alguns dos 60 passageiros que na sexta-feira subiram a bordo do jato privado de Jan Folk, empresária e filantropa canadense, que emprestou seu avião para que estes chihuahuas e outras raças de cães pequenos fossem levados para Edmonton, na província canadense de Alberta.

“É o primeiro Voo da Liberdade que vai levar esses cães de raças pequenas para uma família em outro país”, explica Folk.

A operação Air Chihuahua teve um custo calculado em 40.000 dólares e foi financiada pela sociedade The Orange Dog de Folk para resolver o problema da superpopulação de cãezinhos em Los Angeles.

“Existem mais de 60.000 chihuahuas abandonados em Los Angeles e o número continua crescendo”, afirmou Madeline Bernstein, presidente da Sociedade para a Prevenção da Crueldade contra os Animais (SPCALA).

Segundo Bernstein, este fenômeno aumentou na Califórnia depois de filmes como ‘Legalmente loura’ e ‘Beverly Hills Chihuahua’, que popularizaram a ideia de ter um cachorro como um mero acessório da moda.

“A aparição de celebridades como Paris Hilton e Britney Spears, que começaram a ser fotografadas com cachorrinhos, também ajudou no problema”, acrescentou.

“O problema é que eles não são acessórios, são cachorros, que fazem cocô, xixi, e precisam de cuidados… As jovens os compram como se fossem uma linda carteira, e por isso se cansam muito rápido deles”, explica ainda.

Para Folk, a operação Air Chihuhua garante para esses bichinhos o direito a uma nova vida, em uma família com condições de cuidar de suas necessidades.

Promovida pela SPCALA, a operação começou primeiramente apenas Estados Unidos, onde até agora dezenas de cachorrinhos foram embarcados rumo ao Colorado, Houston e Flórida. Esta é a primeira vez que promovem uma adoção internacional coletiva.

Fonte: AFP

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. O poder de Hollywood e de artistas na cabeça vazia de cultura, sentimentos nobres e consumista de adolescentes é algo digno de teses e mais teses do Doutorado.

    É o TER ao invés do SER, e isso incentivado por uma família já desestruturada; a problemática vem do berço e numa sociedade que tem como norte de sucesso os 15 minutos e fama e seu milhão antes dos 20 anos.

    Quem paga são os seres mais indefesos.

  2. Na minha opinião Paris Hilton não tem culpa de gostar de cães e ter alguns e a revelia dela outras pessos terem os seus e os abandonarem.Ela nao pode ser culpada por algo a revelia dela.Tem gente que compra e larga ao Deus dara seus pets,sao pessoas adultas e deveriam ser responsaveis por seus atos e seus pets.O que uma celebridade tem de responsabilidade por causa de outros?se eu compro um poodle mini e abandono a culpa seria da Paris hllton ou minha que comprei e abandonei?Ela nao passa maus exemplos com pets pq cuida bem deles.

  3. Nao sou tiete de celebridade alguma,mas estas pessoas as verdadeiras futeis e crueis que sao as que adquirem pets e os abandonam imitassem a Paris hilton com certeza eles nao estariam a bordo de aviao algum como os da legiao de abandonados por seus tutores futeis,mas sim em casa com seus tutores e cercados de carinho.

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>