• Home
  • Vaca morre atingida por comboio de linha férrea em Portugal

Vaca morre atingida por comboio de linha férrea em Portugal

0 comments

(Foto: Reprodução/DN Portugal)

Uma vaca que se passeava pela via férrea foi atingida por um comboio que, ontem de madrugada, viajava de Lisboa para Madri. Tudo se passou por volta da 1h45, perto de Beirã, no concelho de Marvão. O animal, que pesava cerca de 300 quilos morreu logo ali, trucidado pelos rodas.

O comboio Lusitânia tinha partido de Lisboa horas antes com destino a Madrid. No seu interior, seguiam cerca de quatro dezenas de pessoas, a maioria das quais a dormir. Apesar de a composição seguir a uma velocidade reduzida, o maquinista só se apercebeu da presença da vaca quando esta foi iluminada pelas luzes da locomotiva.

Os acidentes com animais na linha internacional ferroviária Lisboa-Madrid, como o que provocou o descarrilamento deste comboio, “são comuns”, mas apenas envolvendo bichos de menor porte, como cães e gatos. São “muito raros” os casos com animais que pesam centenas de quilos, esclarece a Refer.

A vaca teria invadido o corredor ferroviário a partir de uma cerca danificada por um javali, situada a poucos metros do local do acidente. O animal pertence à ganadaria de um conhecido criador de Santo António das Areias, que tem o gado a pastar em vastas propriedades atravessadas pela linha férrea.

O animal mortalmente colhido era precisamente a vaca preferida da filha do ganadeiro, contaram ao DN familiares do proprietário. Mas o criador, que se mostrava perturbado com o sucedido, acompanhando no local o avanço dos trabalhos de reposição das carruagens na linha, recusou-se a prestar declarações ao DN.

A Refer anunciou que vai ser aberto um inquérito para o apuramento de responsabilidades no acidente. A empresa adianta que é da responsabilidade dos proprietários zelar pela segurança dos seus animais e evitar, com recurso a cercas ou por outras formas, que estes invadam o corredor ferroviário.

Com informações de DN Portugal

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>