• Home
  • Lanchonetes de Campo Grande vendem pastéis de jacaré e avestruz

Lanchonetes de Campo Grande vendem pastéis de jacaré e avestruz

5 comments

Por Lilian Regato Garrafa   (da Redação)

(Foto: Walber)

A lanchonete Safari, de Campo Grande (MS), dispôs-se a aumentar o círculo de atrocidades a um número maior espécies de animais,  com o objetivo de aumentar sua clientela. O estabelecimento serve pastel de jacaré e de avestruz — cujas carnes, mesmo consideradas “exóticas”, não fazem o sucesso esperado.  Há também os estabelecimentos que adicionaram capivara e ovelha às receitas requintadas de crueldade.

Trata-se de mais uma aberração que pretende impor um modismo cruel e indiferente aos animais sacrificados por um prazer supérfluo. Uma extravagância à custa de sangue para incrementar o rol da já tão impiedosa exploração dos animais.

É inegável que apreciar um prato diferente e experimentar um novo sabor é algo atraente. O lamentável é que culinaristas apostem na crueldade animal, em vez de se inspirarem na diversidade vegetariana, que permite uma comida ética, saudável e sustentável. Não há coerência nem compaixão ao se permitir o extermínio de mais e mais espécies em nome de uma satisfação egoísta, quando caminhamos rumo à libertação dos animais que já são há séculos consumidos “por tradição”. Uma culinária saborosa, criativa e livre de sofrimento, além de possibilitar inúmeras combinações e sabores, contribui para um mundo de respeito a todos os animais.

Clique aqui para ler mais sobre chefs que já retiraram a carne dos cardápios e substituíram por ingredientes frescos e orgânicos.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. É triste ver a desinformação de alguns sites. A criação de animais para consumo, principalmente animais considerados exoticos é cada vez mais comum. Hoje, felizmente, para consumir a carne de um animal como o jacare, que alem de saboroso tem uma carne extremamente saudavel, não é preciso fazer uso da caça predatoria. Alem do mais, o consumo de carne por parte de nos, humanos, faz parte da cadeia alimentar, assim como o consumo de peixes por parte dos jacares. Não sou contra os chamados vegetarianos, quando o fazem pensando na sua saúde e bem estar, agora, dizer que comer carne ” é um modismo cruel e indiferente ” e pregar a ” libertação dos animais que já são há séculos consumidos “por tradição” é um modismo ignorante e sem embassamento.

  2. Quanto absurdo numa materia!
    É incrivel o que as pessoas fazem pra defender seu ponto de vista, sensacionalismo total!
    Antes de sair escrevendo qualquer bobagem como esta que escreveu procure se informar melhor, moro em Campo Grande e vou á Safari praticamente uma vez por semana, nunca vi um pastel sendo feito lá (nem de jacaré nem de rucula com tomate seco). Existem outros lugares que fazem pastel de carnes exoticas em CG tambem como no Mercadão Municipal. Agora lanches exoticos como os picadinhos de Avestruz e Jacaré no pão frances que a Safari oferece são maravilhosos. experimente, até uma pessoa tão mente fechada igual a que escreveu isso iria adorar, pois tenho que certeza que escreveu mal sem ao menos ter experimentado.

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>