• Home
  • Tribunal alemão proibe tatuagem em pônei

Tribunal alemão proibe tatuagem em pônei

1 comments

Um tribunal alemão proibiu o tutor de um ponéi de tatuar nas suas costas o símbolo dos Rolling Stones – uma boca com a língua de fora -, de acordo com a AFP.

O tutor, que tinha já cortado o pêlo do animal no sítio onde queria fazer a tatuagem e desenhado o logotipo da banda, solicitou, com urgência, ao Tribunal Administrativo de Münster, a anulação da decisão.

De um lado encontram-se as autoridades municipais, que se baseiam nas leis de proteção dos animais, contra os maus-tratos, e do outro lado, o direito do tutor de querer “embelezar e individualizar” o seu pônei. O tribunal decidiu que, de acordo com a lei, são proibidos os atos que inflijam sofrimento aos animais.

“Mesmo tendo em conta que são permitidas as tatuagens sem recurso a anestesia nos seres humanos, isso não significa que seja autorizado este tipo de intervenções na pele dos animais”, justificou o tribunal, acrescentando que teve em conta “as características próprias do medo no animal e a sua incapacidade para compreender a dor e avaliar a sua duração”.

Fonte: Jornal de Notícias/Os Bichos

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Sempre achei que tatuar ou colocar
    um piercing em um animal é idiotice!
    Ser humano sente dor qnd passa por qualquer um desses
    procedimentos! Eu posso falar, só entre piercings e furos na orelha, eu posso somar 15 perfurações!
    E sim, TODAS doeram, a diferença, é q a dor é compensada pelo prazer da estética né? Coisa que para o animal, não trata benefício algum! Ele não se olhara no espelho e pensará “putz, a dor valeu a pena! a tatoo ficou d+!” que idiotice! Pq ele não tatuar o dedo do meio nas próprias costas? Não seria + produtivo?
    Pra o animal, não passa de dor e sofrimento desnecessário.

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>