• Home
  • Espanha rejeita declarar touros “bem de interesse cultural”

Espanha rejeita declarar touros “bem de interesse cultural”

0 comments

 
(Foto: Rui Coutinho - Arquivo DN)

O Senado espanhol rejeitou hoje uma moção do PP que pretendia declarar os touros um “bem de interesse cultural”, num debate em que o partido anunciou que vai recorrer da proibição das touradas na Catalunha.

A moção foi derrotada por 129 votos contra e 117 a favor e surge numa altura em que o debate sobre as touradas e outros festivais em que se usam animais em Espanha continua a intensificar-se.

Todos os grupos com assento parlamentar, à exceção do PP e da senadora do UPN, María Caballero, votaram contra a moção, que foi defendida pelo porta-voz dos Populares, Pio Garcia Escudero.

Escudero considerou que a festa dos touros faz parte da história, da arte, da tradição, do sentimento e da emoção em Espanha, num discurso com inúmeras referências literárias.

O PSOE, pela voz de Roberto Lertxundi, que se declarou aficcionado aos touros, afirmou rejeitar a moção porque a declaração de bem de interesse cultural cabe, na Espanha, às regiões autônomas e não ao Estado.

Pelo CiU, Josep Maldonado assinalou que muitas pessoas “não querem ver as cenas de sofrimento que ocorrem nas arenas”, e acrescentou que “as corridas estão em declínio e essa é uma ampla rejeição popular esta atividade. Nós não negamos o caráter tradicional e cultural, mas duas circunstâncias não justificam a crueldade. Falta ética e de apoio social”, disse, em seguida, e observou que “a decisão do Parlamento da Catalunha para abolir as touradas foi aplaudida internacionalmente” .

Miquel Bofill, da Entesa, afirmou que “além da prática simulada e uma luta, nas touradas se assiste à tortura de um animal tão sensível à dor como qualquer outro mamífero.”

Com informações de DN Globo e Xornal

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>