• Home
  • Lady Gaga explica com que intenção usou um vestido de carne

Lady Gaga explica com que intenção usou um vestido de carne

9 comments

Conforme publicado anteriormente na ANDA, após aparecer no Video Music Awards no último domingo com um controverso vestido de carne, a cantora Lady Gaga ganhou um presente inusitado da apresentadora Ellen DeGeneres na última segunda-feira. Gaga, que estava agendada para aparecer no programa de Ellen, que é vegana, se surpreendeu ao receber o presente, feito de folhas.

Foto: Reprodução

“Certamente não é um desrespeito a ninguém que é vegetariano ou vegano. Eu, como você sabe, sou a pessoa que menos pode julgar os outros na face da Terra. Porém, [o vestido] tem muitas interpretações, mas nesta noite significa que se você não lutar pelo que acredita, pelos seus direitos, teremos tantos direitos quanto a carne em nossos ossos. E eu não sou um pedaço de carne”, disse Gaga no VMA, em defesa do vestido.

Fonte: TNonline

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Gosto muito da Lady Gaga, muito MESMO. Mas ela perdeu um pouco do meu respeito depois que apareceu com esse vestido. E a justificativa dela não justificou nada, ela só enrolou e tentou falar algo positivo mas não deu certo ;[
    Ela foi no programa de uma mulher VEGANA! Se isso não é desrespeito, então não sei o que é.
    ps: olha a cara da Ellen nessa foto, só isso da pra perceber a burrada que a Lady Gaga fez.

  2. Acho que não é difícil perceber algumas das muitas interpretações.. e todas são boas… Não sei porque a condenam tanto.. Ela teve a coragem de se expor a acusações de, no mínimo, mau gosto (e mau cheiro) Por que a condenam? Não estava tentando lançar uma moda.. mas certamente fazer uma denúncia ou um apelo… Ela foi crua, literalmente, como costuma ser. Quando ativistas se cobrem de sangue (ou tinta que parece sê-lo) não são acusados.. Ao se desesperam diante das peles que descaradamente pretendem formar quadros visuais belíssimos… eu entendo e concordo. Desesperar-se diante da imagem que ainda semeia glamour e é capaz de conseguir seguidores… entendo,…concordo. Mas Gaga não estava tentando fazer apologia à “beleza de cobrir-se de carne…” Essa inteligentíssima moça mais uma vez conseguiu o que queria.. perturbou, criou polêmica, só que chamou atenção para uma causa que deveria ter deixado a todos os que nela batalham, pelo menos, equipados com as armas da vitória… e não furiosos.. feridos.. Com uma imagem… uma única imagem… expôs para milhões de pessoas, toda grosseria, o grotesco de “cobrir-se de carne”… Por dentro ou por fora é uma questão apenas de bom senso da parte de quem olha… Se a carne morta está dentro ou fora… é também uma questão de olhar.. Por que será que aqueles a quem mais deveria afetar como um reforço à imagem do grotesco não viram desse jeito? Que olhar tiveram? Perturbaram-se… tiveram medo que houvesse seguidores..?? Oh my.., e onde está então a lógica imbatível que aponta a correção do caminho? Inacreditável que tenham se posicionado com o olhar de acusar, como quem se defende… ao invés de, automaticamente, enxergarem como uma alegoria ao horror ao grotesco… Bem, não sei. Ela com esse gesto teve a eficácia de atingir muito mais gente do que muitos movimentos… talvez tenha esquecido de pedir a bênção… (Espero de todo o coração que ela não tenha “encomendado a carne” no abatedouro..” Nada vi sobre isso.. mas espero sinceramente que não. E espero não ser acusada de defender qualquer meio que ela tenha utilizado para conseguir a carne.. Estou apenas me referindo ao impacto da apresentação da carne…e considerando apenas que, estando já em algum açougue, teve uma utilização bem mais produtiva do que teria…)

  3. Não consigo ver diferença entre o vestido de carne e uma jaqueta ou par de botas de couro. A jaqueta e as botas de couro causam o mesmo sofrimento e, ainda por cima, provocam mais estragos ambientais.
    Somente os hipócritas da mídia e das falsas organizações de “direitos animais” é que fizeram alarde. Afinal, estas mega-corporações bem-estaristas certamente adoram quando algo assim acontece pois têm nas mãos uma grande oportunidade de chamar a atenção para a “causa” (ou melhor, para si mesmas) e solicitar mais doações para rechear suas contas bancárias e os salários de seus executivos.
    Creio que a maioria dos abolicionistas não viu nada de mais no tão falado vestido, não apenas por não conter nada de extraordinário no que diz respeito à exploração animal, mas também por não passar de um mero golpe de marketing para manter esta (pseudo) artista sob os holofotes da mídia. Quanto menos falarmos dela, até que caia no esquecimento, melhor.

  4. “Quando ativistas se cobrem de sangue”, Nadienne, se são de fato ativistas do movimento de libertação animal, nenhum animal foi morto para que seu sangue servisse ao fim de transmitir uma mensagem. Pelo que se lê nas notícias da Lady Gaga no VMA, a carne era de verdade. Ou seja, pelo menos um animal a mais- de que espécie for – foi morto para servir aos propósitos dessa cantora. Assim, sua falta de ética deve ser condenada, sim! E para isso pouco importa a mensagem que ela queria passar. Que usasse meios que não implicassem ferir os direitos animais, nem que fosse carne de mentira ou algo que lembrasse carne. Para alguns humanos, uma vida só em meio às de bilhões que são arrancadas para produção de carne parece insignificante, mas basta inverter a balança, colocando a si próprio no lugar de “única vida”, que as coisas começam a tomar outros significados.

  5. Lady Gaga tem a profundidade intelectual de um rabanete. “Lutar pelo que voce acredita”. Eh claro, os nazistas devem lutar pelo direito de exterminar judeus. Os paquistaneses retrogrados devem lutar para preservar o direito de apedrejar as mulheres. E por ai vai. A Lady Gaga é algo assim: “Eu tenho algo importante a dizer mas nao me lembro no momento. Mas voces meus fans vao entender sem eu precisar explicar, nao é?”

  6. Gosto MUITO da Lady Gaga, mas isso que ela fez me desepcionou muito MESMO, ela deveria ter usado um vestido de carne falsa e mais ainda se é vegetariana. Fiquei triste.

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>