• Home
  • Veterinários voluntários são acusados de roubar equipamentos doados para os resgates

Veterinários voluntários são acusados de roubar equipamentos doados para os resgates

1 comments

Por Danielle Bohnen (da Redação)

A fiscalização de Concepción, Chile, uma das cidades mais atingidas pelo terremoto que assolou o país no início deste ano, apurou uma denúncia feita contra veterinários da VIII Região que ajudaram no resgate de centenas de animais, vítimas da catástrofe da campanha Socorro Animal Chile (SACH).

A denúncia afirma que os ex-veterinários voluntários apropriaram-se de instrumentos cirúrgicos, insumos veterinários, mesas cirúrgicas e outros equipamentos. “A denúncia foi apresentada e os veterinários acusados se recusaram a devolver os equipamentos e insumos avaliados em 4 milhões de pesos chilenos [o que corresponde a US$ 8.000], que foram adquiridos por meio de doações da campanha SACH, cujo fim é ajudar os animais das zonas afetadas pelo terremoto”, afirma a coordenação da campanha, segundo o jornal PrensAnimalista.

Os profissionais envolvidos na denúncia justificam sua atitude ao SACH com o argumento de que esperavam receber seu salário por parte da organização. “Desde o começo eles sabiam que eram voluntários da campanha. Como coordenadores, decidimos que, devido à extensão da campanha e ao trabalho pesado que realizaram, entregaríamos doações aos veterinários na medida que isso fosse possível. Nos últimos três meses foram destinados 1.131.000 (2.262 dólares) em benefício aos veterinários da VIII Região.

Infelizmente, os beneficiados por essa bonificação são justamente os que se apropriaram indevidamente do material adquirido com as doações de terceiros, dificultando a continuação dos objetivos desta iniciativa solidária em prol dos animais”, salienta o SACH.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>