• Home
  • Doze homens são presos em flagrante em rinha de galos

Doze homens são presos em flagrante em rinha de galos

2 comments

Policiais da equipe de Rondas Ostensivas Táticas do Interior (Rotai) prenderam 12 homens em flagrante por prática  de rinha de galos em Três Lagoas (cidade distante 334 quilômetros a leste de Campo Grande (MS), nessa sexta-feira (20).

Os policiais chegaram ao local do crime por meio de denúncia anônima e, durante abordagem, constataram que na residência de Wagner Silva Brito, de 29 anos, funcionava a rinha.

Entre os detidos está um adolescente de 17 anos, flagrado pela segunda vez assistindo às brigas de aves. Brito, possui alvará de soltura expedido no dia 24 de março. Ele estava preso por ter cometido o crime de maus tratos a animais no dia 21 de março.

Os 12 homens  foram encaminhados à Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac), e os animais levados à Polícia Militar Ambiental (PMA).

Com informações: Capital News

Nota da Redação: Triste destino dos galos explorados em rinhas. Além de sofrerem todo tipo de violência como a aplicação de esteróides e outras drogas, o aprisionamento em gaiolas pequenas e isoladas, serem depenados nas pernas e nos pescoços e obrigados a lutar até a morte, quando são salvos pela polícia acabam sendo mortos. Não conseguimos entender, como a Lei protege a vítima e depois permite que ela seja legalmente morta. As rinhas têm que acabar e a justiça precisa garantir a vida desses sofridas aves.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Como pode a justiça garantir a vida de animais de consumo, animais que vão está em suas próprias mesas alimentando os magistrados e seus familiares afinal a alimentação é um direito garantido por lei e galos e galinhas faz parte desses alimentos, vamos ser mais realistas.

  2. Bandidos de fardas já mais devem ser usados os nomes da instituição policial para proteger esses arrastões praticados por eles contra os preservadores de galos são pior que os ladrões comuns porque usam a farda e a instituição para roubar e assim ficam protegidos de ser presos como assaltantes que são, tenha certeza que todos esses galos já devem ter sido assassinados ou ironicamente doados a uma instituição carente e os objetos repartido entre o bando, sem levar nem um beneficio aos animais nem ao meio ambiente, não é possível nos calarmos diante de tamanha arbitrariedade contra nossa constituição, ajudem a salvar os galos do Brasil.

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>