• Home
  • Empresa de mudanças do RJ doa gatos pretos aos funcionários, nesta sexta-feira 13

Empresa de mudanças do RJ doa gatos pretos aos funcionários, nesta sexta-feira 13

25 comments

Por Fernanda Franco  (da Redação)

Enquanto protetores e defensores dos animais trabalham incansavelmente pela conscientização da sociedade sobre a importância de proteger os gatos pretos nesta sexta-feira 13, outras pessoas parecem caminhar em sentido contrário.

A Gato Preto, uma empresa carioca de mudanças que está completando em agosto 70 anos no mercado, dará a 13 de seus funcionários um gato preto, nesta sexta-feira 13. A ideia absolutamente irresponsável é das diretoras Bruna e Michele Carvalho, que parecem não se importar com o perigo a que estão submetendo esses animais.

Todos sabem que, na sexta-feira 13, os cuidados para proteger os gatos pretos devem ser redobrados, pois muitas pessoas associam esses animais a mau agouro e a todo tipo de superstições. Para evitar que esses animais sejam vítimas de maus-tratos, até o Centro de Controle de Zoonoses de São Paulo (CCZ) baixou uma norma que proíbe a adoção desses bichanos “alguns dias antes” das sextas-feiras 13.

Proteste

Para se pronunciar contra a exploração desses animais pela empresa Gato Preto, mande uma mensagem pelo site da empresa (clique aqui), escreva um email ou entre em contato por telefone para expressar a sua indignação. Todos os animais merecem ser tratados com respeito, como sujeitos de direito que são.

Sobre a empresa:

Gato Preto Mudanças (Gato Preto S/A)
Fundador: Aureliano (mais conhecido como “Seu Lima”)
Diretoras responsáveis pela campanha: Bruna e Michele Carvalho
CNPJ: 330536790001-36
Endereço: Rua Honório, 419, Todos os Santos – RJ

Contatos:

E-mail: mudancas@gatopretomudancas.com.br
Telefones: (21) 2597-9244 / (21) 2597-1012
Fax: (21) 2269-4055

Com informações de O Globo

Nota da Redação: A adoção é algo que deve ser feito com critério e muita consciência. Não se dá um animal de presente para alguém. Essa empresa está usando vidas para se promover e chamar a atenção, expondo esses animais ao perigo de serem entregues a destinos duvidosos. A ANDA convoca a todos que protestem contra essa prática absurda e desrespeitosa, que coloca em risco a vida de seres inocentes.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Mandei email com o seguinte teor. Notem que a Lei Estadual 4808 de 2006 PROIBE a a distribuição de animais vivos a título de brinde ou sorteio:
    _______________________________________________
    Atencao: Bruna e Michelle Carvalho

    Tomamos conhecimento, com bastante indignação, que essa empresa estará SORTEANDO treze funcionários para ganharem como BRINDE de comemoração de seus 70 anos, nada mais, nada menos, do que um SER VIVO, ou seja, um gato preto.
    A iniciativa de vocês é de uma insensibilidade SEM tamanho, além de ser uma violação de lei estadual. Animais não são brinquedos, muito menos BRINDES. Obviamente, vocês só podem ser classificados de duas maneiras: (a) ignorantes por completo da situação de animais, especialmente gatos pretos no Brasil, e/ou (b) totalmente insensíveis ao destino de seres vivos nas mãos de seres humanos.
    Seja qual for a classificação, (a) ou (b) ou (a) e (b), o resultando não é feliz.
    Assim como a OITO VIDAS, milhares de pessoas aplicam seu tempo e dinheiro para que gatos pretos sejam ADOTADOS por pessoas e famílias conscientes, através de seleção e entrevista de candidatos. Seria muito fácil e INRESPONSÁVEL se adotássemos a sua estratégia. Sugiro, entretanto, que vocês adotem a nossa. O planeta está precisando de pessoas e empresas conscientes. Sugiro que vocês cancelem essa comemoração INDECENTE e inventem campanhas que possam construir e contribuir para a vida neste planeta. OU não seria essa a imagem que vocês gostariam de passar adiante?
    Além disso, a iniciativa de vocês CLARAMENTE mostra que a ignorância também diz respeitos às leis. Mais especificamente, a Lei 4808, de 2006, em seu artigo 23, inciso III, proibe a distribuição de animais vivos a título de brinde ou sorteio. A pena é uma multa que, no caso de vocês, teria que ser aplicada 13 vezes, por reincidência a cada gato sorteado.
    Neste sentido, a menos que recebamos provas concretas de que esses animais não foram sorteados e encontram-se em lugar seguro, estaremos encaminhando denúncia ao MP do Rio de Janeiro para averiguar a conduta de vocês.

    Cristina Palmer
    ONG OITO VIDAS
    Advogada – OAB 88231-RJ
    pinheiro-palmer@pinheiro-palmer.adv.br

  2. um pouco exagerada esta reação,está claro que a intençao da empresa não era maltratar os animais,mostra até carinho pelos mesmos,vamos nos mobilizar por coisas realment importantes

  3. Coisa louca isso… doar gato preto? Eles já são tão discriminados, mal tratados, usados em rituais…. Tenho uma que adotei, é linda demais!!!!
    Por favor que seja verdade que os gatinhos são de pelúcia!!!!!

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>