• Home
  • Ativistas pelos animais são proibidos de iniciar protesto contra zoos, em Dubai

Ativistas pelos animais são proibidos de iniciar protesto contra zoos, em Dubai

2 comments

Por Giovanna Chinellato (da Redação)

Foto: Associated Press

Recentemente, a polícia de Dubai proibiu dois manifestantes da PETA de começarem um protesto chamando zoológicos de prisões de animais. A desculpa dos polícias foi que os ativistas não tinham autorização para protestar.

De acordo com reportagem do jornal Associated Press, os dois ativistas da PETA, vestidos com roupas listradas de prisão e máscaras de macaco, marcharam pela rua do Zoológico de Dubai com placas que diziam: “Zoos: prisões cruéis para animais”.

“Queremos falar sobre o que está acontecendo no zoológico”, disse Ashley Furno, um manifestante, a um policial.

“O zoológico tem um governo para tomar conta dele”, respondeu inflexível o policial, dizendo aos ativistas que manifestações são proibidas em Dubai sem “autorização prévia”.

Os manifestantes, incluindo o diretor da PETA Jason Baker, disseram que tentaram uma permissão duas semanas atrás, mas que o pedido foi negado.

“É bem triste sermos despachados assim. Tudo o que estamos tentando fazer é propagar uma mensagem de compaixão e dizer às pessoas que ‘por favor, se vocês se importam com animais, não vão ao zoológico’”, disse Baker.

“Estamos tentando transmitir a mensagem de que animais confinados em zoológico estão sofrendo e queremos educar as pessoas de Dubai a respeito do que acontece no lugar, que é inaceitável”, Fruno disse.

O grupo de ativistas acusou o Zoo de Dubai de falta de água, alimento e espaço, dizendo que os vinte mil metros quadrados para mais de 80 animais coloca-os em condições deteriorantes para a saúde.

Fruno disse que os administradores do zoológico estão a par do problema e de que as jaulas são inadequadas, mas não fazem mudança alguma.

O ativista canadense descreveu o zoo como “olho negro na face tecnológica de Dubai”, ou seja, um retrocesso no desenvolvimento da região.

“Estamos pressionando por melhoras para o bem-estar animal e já tivemos alguns progressos”, Baker disse. “A lei de bem-estar animal começou há cerca de um ano aqui em Dubai. Isso foi uma melhora, mas ainda não atinge todos os animais.”

A próxima parada do grupo será no Cairo, onde planejam promover o vegetarianismo.

Fonte: Associated Press

Nota da Redação:
Zoológicos não deveriam existir. Todos os animais merecem viver em liberdade, na natureza. Em vez disso, os animais são retirados de seus habitats, para viverem confinados em ambientes artificiais destinados ao entretenimento humano, os zoos. Além dessa violência fundamental a que são submetidos, passam ainda por sofrimentos outros, como é o caso desses animais que vivem e morrem sob condições extremamente estressantes e cruéis. Quando isso terá fim?

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta para daniela Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>