• Home
  • Pitbull espancado será eutanasiado por não ter para onde ir

Pitbull espancado será eutanasiado por não ter para onde ir

20 comments

Yolanda Heller
yoheller@yahoo.com.br

Foto: s/c

Este pit tem uma história séria. O tutor se distraiu com o portão, ele saiu e brigou com o cão do vizinho. Para separar a briga, o vizinho deu pauladas na sua cabeça. Teve fraturas e perdeu um olho. O tutor o deixou numa clínica para ser tratado, mas agora mudou de idéia, não quer ficar mais com ele pois no período de tratamento do bichinho, ele se mudou para um apartamento. Ele já deixou a eutanásia assinada e paga na clínica. Ou seja, agora é só “executar”.

O veterinário me ligou como uma alternativa para ver se posso ficar com ele. Infelizmente e com muito desespero, não posso.

Antes que me critiquem, resgatei 10 cães nos últimos dias (estou atualizando a turma lá no meu blog), metade deles me geraram boas despesas no veterinário. O problema é físico e de bolso, não tenho onde acomodar e não posso me propor a pagar estadia por uma questão financeira. Tenho uma boa turminha para manter.

Ou seja, um grande problema: o veterinário onde ele está, não é dá causa animal. Na clínica tem apenas 6 baias para internação. Ele não vai abrir mão do “ganha pão” dele. Sendo objetiva, vai executar a ordem.

Ele é dócil e muito assustado. Quando vê gente, treme o corpo todo e fica encolhido. Só se levantou por eu ter oferecido guloseimas. Concluo que é um animal que provavelmente apanhava, e muito.

Pedi ao veterinário um fôlego até a próxima semana, não combinamos até que dia. Tentei empurrar com a barriga um pouco.

Quem acompanha meu trabalho pelo blog, sabe que tento desenrolar meus casos conforme posso, não jogando simplesmente na rede para tirar a tranquilidade alheia.

Se eu tivesse canil disponível, com certeza o acolheria. Com os meus últimos resgates, fiquei bem para lá do limite. Ele está em Suzano.

Contato:

Ana
(11) 9973-4665
ana-marta@uol.com.br

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Nossa, eu fico indignada e muito triste quando vejo esse tipo de notícia. Infelizmente moro em Brasília e em apartamento e já tenho dois cachorros, que eu amo infinitamente demais, então não posso adotar esse menininho tão assustado e indefeso. Meu coração está partido, mas espero que ele consiga sobreviver e achar alguém que cuidará dele como merece. Uma pessoa que faz isso com um animal não merece viver…

  2. As imagens são chocantes e a possibilidade de seu futuro também. Espero muito, muito mesmo que alguém que esteja próximo se sensibilize e cuide desse ser que já sofreu tanto. Por favor, Ana, tente aos ongs. Depois nos mande notícias. Aqui em Curitiba soube que a prefeitura recolhe rottweilers e pittbulls, mas é bem difícil. Outro dia no centro da cidade encontrei uma Rottweiler, fiquei lá com ela na rua, liguei pra tudo e não consegui, mais pessoas ligaram pra prefeitura até que disseram que viriam (mas não apareceram). A sorte da cadela é que uma moça havia visto e dito pra pessoas dali que voltaria busca-la e voltou mesmo. Eu estava quase sem esperanças, mas não conseguia sair de perto dela. Ela é muito, muito doce. Então veja, há sempre uma esperança, é só o maior numero de pessoas ficarem sabendo que a chance dele encontrar um novo dono é grande tb. Tenha paciência, fé e divulgue pro maior numero de pessoas da região que puder. Boa sorte.

  3. Q triste historia…
    Vou torcer mto p q a sorte dele mude e alguem d bom coração lhe de uma 2a chance… Pq adotar sem condições de dar o carinho q ele precisa tb nao adiantará…
    Se resolverem fazer uma vaquinha p ajudar noq for preciso, eu contribuirei.
    Desejo muuuuuuuuuuuuita boa sorte a este moço!

  4. Não seria o caso de fazer uma vaquinha para pagar a hospedagem nessa clínica veterinária até ver se alguém fica com ele? Ou mudar a clínica? Vamos pensar em alternativas até a semana que vem, não vamos deixá-lo morrer!

  5. É sim, será que uma vakinha pra hospedagem pelo menos não pode ser uma solução temporária? Lembrando que se precisar de ajuda pro deslocamento dele eu me ofereço.

  6. O que vocês precisam para ajudá-lo? Algo em específico ou tem alguma conta que possamos depositar algum diheiro para despesas? Qd a equipe poderá resgatá-lo? Gostaria de pedir pra nos informar 🙂

  7. A Pitcão já entrou em contato com o Vet. e já assumiu o caso, assim que for possível ele será encaminhado para hospedagem em hotelzinho.

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>