• Home
  • Operações de combate ao tráfico de animais e rinhas de galos mobilizam policiais ambientais

Operações de combate ao tráfico de animais e rinhas de galos mobilizam policiais ambientais

3 comments

Os policiais de Mogi das Cruzes, em São Paulo, tem realizado diversas operações com apoio do Setor de Investigação da Polícia Militar para identificar autores de rinhas de galo que são realizadas na cidade. “O trabalho é minucioso porque queremos pegar os autores em flagrante”, revelou o comandante da Polícia Ambiental de Mogi das Cruzes, tenente Julio César Araújo da Silva.

Outro fato que preocupa os policiais ambientais da região é o tráfico de animais e de espécies da flora. Apesar da grande repercussão quando ocorre o flagrante, a apreensão de animais silvestres, como aves, não é identificada como um das mais praticadas. Porém, o Alto Tietê está na rota da infração.

“Sabemos que a Região do Alto Tietê é rota de passagem dos traficantes que tiram espécies das matas do litoral e levam para a capital. O responsável para conter esses veículos é a Polícia Rodoviária, mas, na medida do possível, damos nossa colaboração fazendo abordagens em caminhões suspeitos que circulam no perímetro urbanos das cidades”, contou.

O comandante frisa que para combater as ações contra a natureza é preciso à constante participação da comunidade. “Qualquer suspeita, o cidadão pode ligar para o Disque Ambiente, no 0800 11 35 60”, afirmou. Se for um crime que exija uma ação imediata, o Pelotão em Mogi das Cruzes pode ser acionado pelo telefone 4790-2737.

Segundo as estatísticas oficiais, Mogi das Cruzes lidera o número de denúncias ambientais com quase 60% dos casos. Santa Isabel e Itaquaquecetuba, também em São Paulo, aparecem na sequência.

Com informações do O Diário

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. sou totalmente contra esses tipos de abuso com para com os animais inocente. emos qedar um fim nisso, pos os pobre bichinhos na merecem ser tratados com essas corvadias que esses homens fazem, pos e uma totalmente convardia, nao amam nem a eles mesmos. deixo meu comentario favor os animais, pos adoro animais,e se dependesse de mim eu mesma acabaria com estes abuso pra com os animais.

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>