• Home
  • Homem tenta matar cachorro com um martelo nos EUA

Homem tenta matar cachorro com um martelo nos EUA

1 comments

Por Giovanna Chinellato (da Redação)

Um homem de 49 anos, em Seattle, nos Estados Unidos, é acusado por crueldade contra animais em primeiro grau por ter tentado matar o próprio cachorro usando um martelo.

Kirk D. Frazier disse aos investigadores que não pretendia fazer o animal sofrer, mas simplesmente queria matá-lo com uma batida do martelo, de acordo com testemunho prestado na segunda-feira (01) pela Corte Superior do Condado King.

O cachorro mestiço, chamado Pretzel, aparentemente escapou e foi encontrado por uma mulher no sul da Southern Street. O animal foi levado para um veterinário e eutanasiado.

De acordo com os promotores do condado de King, Frazier disse que o cachorro havia mordido sua esposa e atacado o outro cão da família em 14 de setembro. Frazier disse aos investigadores que pegou uma cartucheira e bateu três vezes na cabeça de Pretzel, fazendo o cão desmaiar.

Pensando que o cão estivesse morto, Frazier levou o “corpo” para a lixeira e foi para a cama.

Na manhã seguinte, porém, Pretzel ainda estava vivo e parado ao lado do carro de Frazier, balançando o rabo e “indicando que queria passear de carro”, segundo o testemunho do autor do crime.

Frazier pôs o cachorro e um martelo dentro de um saco plástico, pôs tudo no carro e foi trabalhar. Ele disse aos investigadores que pretendia “acabar” com Pretzel quando fosse trabalhar.

Quando chegou do trabalho, bateu no cachorro com o martelo repetidas vezes, e o cachorro começou a gritar. Frazier deixou o cachorro e entrou no edifício. Quando retornou, o cachorro não estava mais lá.

Um colega de trabalho de Frazier chamou a polícia.

Os promotores acusam Frazier de crueldade em primeiro grau contra animais, com implicações de um ano na cadeia.

Com informações de Seattle Times

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Graças a Deus lá existe e possibilidade de cadeia para esse desgraçado. Aqui no caso do cão de Quintão com certeza SE forem punidos farão “serviços a comunidade” ¬¬. Ridículo.

    p.s: a frieza é tão grande que o cachorro no outro dia abanou o rabo para ele e ele em troca quis matar com um martelo. Meu Deus, onde vamos parar…

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>