• Home
  • 70 mil animais já foram abandonados este ano na Alemanha

70 mil animais já foram abandonados este ano na Alemanha

2 comments

Por Renan Vicente de Andrade (da Redação)

Dificuldade financeira faz com que tutor e cão peguem fila em abrigo animal. Foto por John MacDougall / AFP Photo
Cão sendo levado para um abrigo de animais. Foto por John MacDougall/AFP Photo

A German Animal Welfare Association (Associação pelo Bem-estar dos Animais da Alemanha, em tradução livre) anunciou que 70 mil animais, acima da média esperada, já foram abandonados este ano, e que em 69% dos casos, os tutores citam “urgência financeira” como a razão para o abandono.

“Estamos encarando um problema duplo devido à crise financeira: mais pessoas estão abandonando seus animais e as doações diminuíram”, disse Marius Tünte, o porta-voz da associação. “Nossos abrigos estão superlotados, não há dinheiro para investir em uma ampliação e não temos uma equipe grande o suficiente para tomar conta de todos os animais”.

Entre os animais abandonados, veem-se cães, gatos e até cavalos. “Com cães e gatos, é frequente que os mais velhos e os doentes sejam abandonados, pois é mais caro cuidar e medicar”, diz  Tünte. Muitos animais não são levados ao abrigo, mas amarrados em placas de estradas com mensagens do tipo “meu tutor está sendo assistido pelo governo e não pode cuidar de mim” penduradas ao pescoço.

O presidente da associação, Wolfgang Apel,  pediu ao governo um pacote de 15 milhões de euros para os 519 abrigos da Alemanha, que são financiados exclusivamente por doações privadas.

Apel também deseja que o governo prolongue o auxílio aos desempregados, para que estes, então, possam cuidar de seus animais. “Cabe a toda a socidedade cuidar e proteger os animais”, disse Apel.

“Se não agirmos agora, teremos de descarregar os animais em frente às entradas da cidade, pois estamos tomando conta dos animais em nome de toda a sociedade. Isto está se tornando mais dramático dia após dia”, diz Tünte.

Espera-se um grande aumento no número de desempregados durante o outono e o inverno na Alemanha. Além disso, muitas pessoas perderão o auxílio financeiro do governo nesta época. “Esperamos um outono realmente muito duro”, diz Tünte.

Com informações de The National

Nota da Redação: Não há problema financeiro, mudança de casa ou qualquer outro motivo que justifique o abandono de animais. A resposta para esse tipo de atitude é apenas uma: egoísmo. Existem formas mais éticas e compassivas de se economizar dinheiro, sem ser cruel.

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Bem, esse país que se mostra “evoluído”, faz isso…. Essa gente educada, instruida abandona seus animais assim… e aqui em nosso país? Nem preciso dizer muita coisa, né? Os fatos não aparecem na mídia o tanto quanto deveriam e da forma que realmente acontece. Enfim, em toda parte desse mundo os animais são descartados simplesmente, como se de fato fossem objetos! lamentavel! Uma vergonha…. e deprimente.
    Mais uma razão pra se repensar a questão do comércio de filhotes…. eles, enquanto são bebezinhos, fofos, brincalhoes, são uma “maravilha”… quando o cinto aperta ou por outra razao qualquer (injustificadamente) esses mesmos filhotes – ou já adultos e idosos-, são despejados em qualquer lugar, pro caminhão do lixo levar!! Isso sem contar que as pessoas procuram “o lugar onde se recolhe animais indesejados”… e ninguem quer saber se tudo isso tem algum custo. Será?!

  2. A nota da redação está perfeita.
    Podemos economizar em inúmeras coisas, em vez de abandonarmos entes queridos, por que os animais não podem ser vistos como os entes queridos por esse povo?

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>