• Home
  • Mulher tenta embarcar com cachorro e é impedida por policiais

Mulher tenta embarcar com cachorro e é impedida por policiais

2 comments

Uma ação inusitada levou a polícia ao Terminal Rodoviário João Paulo II, bairro Feitosa, em Maceió (AL), na noite desta quarta-feira (5). Uma passageira foi denunciada por tentar embarcar com um cachorro, não aceitou orientações, e mordeu um policial, segundo o oficial de operações.

Conforme o tenente PM Honorato, do Batalhão de Polícia de Eventos (BPE), a acusada tinha como destino a cidade de Natal, no Rio Grande do Norte e estava nas dependências de um coletivo da Viação São Geraldo.

“Nós fomos acionados e tentamos convencê-la de que não é permitido transportar animais em coletivos. Ela partiu agressivamente para a nossa guarnição e mordeu um dos policiais. Infelizmente, tivemos de trazê-la para a delegacia”- disse o tenente PM Honorato.

A mulher- de nome não repassado – foi levada para a Delegacia de Plantão (Deplan III), no bairro Jaraguá e será autuada por desacato.

Nota da Redação: É uma forma de violência, também, impedir que um animal de estimação inofensivo viaje junto a sua tutora. A ação dos policiais equivale a separar o filho de sua mãe: um animal não pode ser tratado como bagagem, como objeto: mas como um ser vivo que tem os mesmos direitos à vida e à liberdade que nós, seres humanos. Por que proibir o transporte de animais junto a seus tutores?

Com informações do Gazeta Web

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. eu tenho animal de estimaçao, e nao concordo com essa lei de nao poder transportar animais junto ao dono no onibus, ele é como um filho, e é a mesma coisa de colocar uma criança no bagageiro, portanto nao concordo e dou o parabens a essa mulher que brigou pelo direito do seu cao….

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>