• Home
  • Baleias encalham em praia da África do Sul

Baleias encalham em praia da África do Sul

0 comments

Cerca de 55 baleias-piloto encalharam em uma praia da Cidade do Cabo, na África do Sul. Voluntários e cientistas marinhos foram até o local, neste sábado (30), para tentar resgatar os animais, informou a Reuters. As equipes de resgate tentam manter as baleias molhadas e usam retroescavadeiras para tentar recolocar os animais em águas profundas. “A operação está em curso. Ondas grandes estão empurrando os animais para a praia”, disse Craig Lambinon, porta-voz do Instituto Nacional de Resgate Marinho (NSRI, em inglês).

De acordo com o NSRI, é a primeira vez que um incidente do tipo é registrado na praia da Cidade do Cabo.

Trinta baleias terão de ser sacrificadas porque não foram socorridas a tempo, disseram cientistas.

A chefe do grupo Ação e Proteção de Golfinhos, Nan Rice, informou à South African Press Association (SAPA, na sigla em inglês), que os voluntários conseguiram salvar 20 baleias, mas para os demais animais encalhados a única saída será a eutanásia. Segundo ela, as baleias devem ser mortas com um tiro na cabeça para evitar maior estresse.

“Estou muito triste, mas esta é a coisa certa a se fazer”, disse Rice. Uma baleia morreu hoje mais cedo enquanto a equipe de resgate, com centenas de voluntários, tentava retirar os animais da praia. O grupo enfrenta fortes ventos e grandes ondas nas águas geladas do Atlântico na tentativa de salvar baleias, que chegam a ter três metros de comprimento, muitas vezes sem sucesso.

As autoridades sul-africanas enviaram seis dragas para ajudar a empurrar os animais de volta ao mar. “Sempre que conseguimos levar as baleias de volta para o mar, elas nada de volta para a praia”, contou o porta-voz do Instituto Nacional de Resgate Marítimo, Craig Lambinon.

Milhares de pessoas viajaram para a região na tentativa de observar o fenômeno, lotando as estradas de acesso à região. As autoridades pedem que eles deixem a área. A região onde ocorreu o encalhe é reconhecida como um importante ponto de observação de baleias durante o inverno. Os cientistas ainda não têm explicações para o fenômeno.

Com informações: Reuters/France Press/Terra/G1

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>