• Home
  • Mais dois cativeiros de pássaros raros e em extinção são descobertos

Mais dois cativeiros de pássaros raros e em extinção são descobertos

0 comments

Numa fiscalização realizada após denúncia, a Polícia Militar Ambiental apreendeu diversas espécies de aves proibidas para cativeiro em dois bairros da cidade. A manutenção de aves sem autorização e registro do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) é prática de crime ambiental. Numa casa no bairro Vila Cristina, os policiais recolheram 12 aves, entre elas seis canários-da-terra, três papa-capins, um sabiá, um sanhaço e um tico-tico.

Na segunda apreensão, no bairro Algodoal, havia um exemplar de cada ave: galo de campina, pássaro preto, tico-tico, canário da terra, papacapim, foguinho, papagaio verdadeiro, azulão e dois trinca-ferros. O azulão é um pássaro ameaçado de extinção.

Nas duas apreensões, as aves eram mantidas em viveiros em quintais de residências. As aves apreendidas foram encaminhadas pela Polícia Ambiental a um criadouro conservacionista localizado na serra de Piracicaba, no bairro Floresta.

Os responsáveis pelos cativeiros foram multados, mas o valor não é pré-determinado, já que cabe recurso.

De acordo com o policial Albuquerque, a divulgação dessas ações policiais fez com que a quantidade de denúncias aumentasse em uma a mais por dia.

Denuncie: 3421-6827 é o telefone da Polícia Ambiental.

Fonte: Gazeta de Piracicaba

About the Author

Follow me


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>